Goldman Sachs anuncia demissão de até 3,2 mil funcionários

O corte de 3,2 mil pessoas representaria cerca de 7% da força de trabalho global do banco de 49 mil.

Os cortes do Goldman devem estar concentrados na divisão de investimento bancário e no ramo do consumidor (banco de imagens)

O Goldman Sachs deve iniciar uma das maiores rodadas de demissões em sua história neste semana, com cerca de 3,2 mil empregos sendo eliminados enquanto a empresa busca cortar custos.

Publicidade

Na quarta-feira (11), o banco dos EUA deve começar a informar as pessoas que elas perderão seus empregos.

Os maiores bancos de investimentos do mundo desfrutaram de um auge em 2021 e início de 2022, enquanto companhias embarcavam em um grande número de fusões e aquisições após lockdowns do coronavírus.

Entretanto, o número de aquisições diminuiu drasticamente quando taxas de juros aumentaram e avaliações da empresa caíram.

Os cortes devem estar concentrados na divisão de investimento bancário e no ramo do consumidor, embora provavelmente a maioria das divisões do banco será afetada.

O corte de 3,2 mil pessoas representaria cerca de 7% da força de trabalho global do banco de 49 mil.

Fonte: The Guardian

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Toyota: carro movido a hidrogênio líquido em corridas de resistência

Publicado em 10 de janeiro de 2023, em Sociedade

Parte de esforços para tornar comercialmente viáveis veículos movidos pelo combustível ecologicamente correto.

Toyota planeja testar carros movidos a hidrogênio líquido em corridas de resistência neste ano (banco de imagens)

A gigante automotiva Toyota planeja, neste ano, introduzir em eventos de corrida de resistência (endurance race) um carro em desenvolvimento que usa hidrogênio líquido, como parte de esforços para tornar comercialmente viáveis veículos movidos pelo combustível ecologicamente correto.

Publicidade

Enquanto principais montadoras estejam focando em veículos elétricos para alcançar metas de carbono neutro, a Toyota também investiu em desenvolver uma variedade de tecnologias, incluindo automóveis movidos a hidrogênio, os quais produzem nenhum dióxido de carbono quando estão operando.

Para montadoras, a pressão é fornecer substitutos sustentáveis a veículos movidos a gasolina, os quais o governo japonês visa eliminar das vendas de carros novos até 2035 como parte de seus esforços para uma sociedade carbono neutra até 2050.

Ao sujeitar o carro movido a hidrogênio líquido a corridas de resistência, a Toyota tem a intenção de melhorar a funcionalidade da tecnologia nascente e endereçar alguns de seus desafios, incluindo como manter o hidrogênio líquido a 235 graus Celsius negativos.

O uso de hidrogênio na forma líquida ao invés de seu estado gasoso dobraria a quilometragem de um carro e permitiria a instalação de estações de abastecimento menores.

Fonte: Japan Today

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros