Largou o food truck após acidente e fugiu mas foi encontrado

Passado mais de meio ano, a polícia encontrou o homem que dirigia um food truck, o qual foi abandonado após o acidente sem prestar socorro à vítima.

Food truck apreendido pela polícia (Nagoya TV)

Na segunda-feira (28), a polícia informou sobre a prisão de um homem de 22 anos, desempregado e residente em Moriyama-ku, cidade de Nagoia (Aichi), como suspeito de não ter prestado socorro à vítima.

Publicidade

Segundo a polícia, ele estava dirigindo o food truck em dezembro do ano passado em uma rua em Chikusa-ku, Nagoia, quando fez uma curva à esquerda no cruzamento sem semáforo e bateu contra o carro parado.

O estudante universitário, de 18 anos na época, sofreu ferimentos leves, mas o motorista do food truck fugiu sem prestar socorro.

Ele largou o food truck em outro local e deve ter fugido a pé. 

Encontrado, o homem admitiu a fuga do local do acidente sem socorro porque estava dirigindo sem possuir carteira de motorista.

Portanto, irá responder pela fuga e dirigir sem ter habilitação.

Fonte: Nagoya TV

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Médicos esquecem gaze dentro de paciente por 9 anos

Publicado em 29 de agosto de 2023, em Comportamento

Hospital de Fukui admite que esqueceu gaze dentro de paciente e paga indenização.

Imagem Ilustrativa

O Sakai Municipal Mikuni Hospital, em Fukui, anunciou na segunda-feira (28) que médicos esqueceram um pedaço de gaze usado para estancar o sangramento dentro da cavidade abdominal de paciente em operação em 2013.

Publicidade

Nove anos depois, no ano passado, o paciente descobriu o ocorrido quando visitou outro hospital. Ele foi operado e o gaze foi removido.

A saúde do paciente não foi afetada, mas o Sakai Municipal Mikuni Hospital reconheceu o erro e resolveu o caso pagando uma indenização de aproximadamente 2,5 milhões de ienes.

Na época, o hospital percebeu que um pedaço de gaze estava faltando após a operação e fez um raio X, mas não conseguiu confirmar, então foi determinado que a verificação da quantidade antes da operação estava incorreta.

Shingo Ameshima, diretor do Sakai Municipal Mikuni Hospital, disse: “Consideramos isso um erro muito sério. Vamos nos esforçar para nos tornarmos um hospital que possa oferecer atendimento médico seguro e confiável aos cidadãos”.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UNINTER - Universidade ONLINE para brasileiros no Japão!