Toyota anuncia retomada parcial da produção

A montadora Toyota informou que marcou o fim da paralisação das 6 linhas de 4 plantas em duas datas distintas.

Bandeira da Toyota (NHK)

A Toyota Motor está com 6 linhas de produção suspensas em 4 plantas domésticas da região Tokai por causa do outro escândalo de fraude da empresa do seu grupo, a Toyota Industries. A montadora informou que retomará o processo produtivo, marcando duas datas distintas.

Publicidade

A partir de terça-feira (13) as 4 linhas de 3 plantas voltarão à operação. São as de Yoshihara e Fujimatsu da Toyota Auto Body, ambas em Aichi, e parcialmente na Toyota Auto Body de Kakamigahara (Gifu), as quais produzem o SUV Land Cruiser 300 e outros modelos movidos a gasolina, destinados à exportação.

Segundo a Toyota, recebeu permissão de algumas autoridades estrangeiras para retomar os embarques. 

As demais duas linhas da Toyota Auto Body de Inabe (Mie) e de Kakamigahara, continuam com a paralisação até 16, pois nessa data a montadora decidirá se retoma a produção após 19 de fevereiro.

Por causa dessa fraude da Toyota Industries, no teste de desempenho dos motores, a montadora interrompeu as vendas de 10 modelos nacionais e estrangeiros e suspendeu a produção nas 4 plantas de Tokai da Auto Body desde a tarde de 29 de janeiro.

Fontes: Asahi, NHK e Yomiuri

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Tesla vendeu apenas 1 carro na Coreia do Sul em janeiro

Publicado em 9 de fevereiro de 2024, em Ásia

Esse foi o pior mês da gigante dos veículos elétricos Tesla na Coreia do Sul desde 2022.

O único veículo da Tesla vendido da Coreia do Sul em janeiro foi um Model Y (banco de imagens)

A Tesla vendeu apenas 1 carro na Coreia do Sul em janeiro deste ano, de acordo com novos dados, enquanto consumidores no país continuam preocupados com a inflação e a companhia de Elon Musk precisa lidar com uma falta de pontos de recarga na nação asiática.

Publicidade

Esse foi o pior mês para a Tesla na Coreia do Sul desde julho de 2022, quando ela não vendeu nenhum carro no país, de acordo com dados do grupo de pesquisa Carisyou e o Ministério do Comércio coreano.

O único veículo vendido em janeiro foi um Tesla Model Y, que em setembro passado foi o carro importado mais vendido na Coreia do Sul.

Todas as vendas de veículos elétricos (VEs) na Coreia do Sul tiveram mal desempenho em janeiro. Novos registros de VEs no país despencaram 80% mês a mês, de acordo com o site Bloomberg.

A demanda diminuiu enquanto a Coreia do Sul enfrenta dificuldades com a inflação, que fechou em 3,6% no ano de 2023.

Consumidores também estão preocupados com incêndios em baterias após uma de um VE ter explodido no estacionamento de um prédio em 2022.

Uma pesquisa realizada em novembro pela Autoridade de Segurança nos Transportes da Coreia descobriu que cerca da metade dos donos de VEs disse que incêndios são suas maiores preocupações em relação à segurança.

Também há uma falta de pontos de recarga no país. Cerca de 90% das unidades que são públicas consistem em pontos de recarga lenta, de acordo com a Agência Internacional de Energia.

Um representante da Tesla disse ao site Bloomberg que as vendas na Coreia do Sul geralmente são lentas em janeiro, visto que os consumidores aguardam pelo anúncio de subsídios do governo.

Fonte: Quartz

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Estude NIHONGO com o Kumon!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!