Anéis inteligentes da Docomo permitem pagamentos por aproximação

O anel inteligente permite que usuários façam pagamentos ao simplesmente aproximar suas mãos sobre os leitores em locais como supermercados e lojas de conveniência.

A startup Evering desenvolveu os anéis inteligentes (Docomo)

A NTT Docomo começará a vender anéis inteligentes, os quais poderão ser usados para fazer pagamentos por aproximação (contactless payments), em algumas lojas da Docomo a partir de maio.

Publicidade

A empresa de telecomunicações planeja formar uma aliança de negócios com a Evering Co., a startup que fabrica os anéis inteligentes, e vai considerar futuras oportunidades de negócios em que as duas companhias podem colaborar.

A Docomo visa fortalecer os serviços que ela oferece fora da indústria de telecomunicações, como aqueles de pagamentos e serviços financeiros.

A Evering desenvolveu e vende os anéis inteligentes.

O chip IC (circuito integrado) dentro do anel é compatível com o sistema de pagamento por aproximação Visa.

O anel inteligente permite que usuários façam pagamentos ao simplesmente aproximar suas mãos sobre os leitores em locais como supermercados, lojas de conveniência e catracas em estações de estações de trem.

Os usuários podem fazer os pagamentos com o anel inteligente mesmo se não são assinantes da Docomo.

O dispositivo está disponível em um plano de taxa fixa de ¥550 por mês ou um plano de compra a partir de ¥19,8 mil.

A Docomo planeja expandir gradualmente o número de lojas que oferece o anel inteligente e eventualmente conectar o dispositivo aos seus serviços “d Payment” e “d Point”.

Fonte: Yomiuri

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Carneiro é culpado pela morte de casal de idosos na Nova Zelândia

Publicado em 19 de abril de 2024, em Notícias do Mundo

Um carneiro foi sacrificado após ele ter sido culpado pela morte de um casal de idosos no cercado de uma fazenda.

A Nova Zelândia é lar para 5 milhões de pessoas e aproximadamente 25 milhões de ovinos (ilustrativa/banco de imagens)

(ilustrativaUm carneiro na Nova Zelândia foi sacrificado pela polícia após ele ter sido culpado pela morte de um casal de idosos no cercado de uma fazenda, disseram autoridades e a mídia local.

Publicidade

O homem e a mulher foram encontrados “mortos” na manhã de quinta-feira (18) na propriedade no oeste de Auckland.

“A polícia pôde confirmar que um carneiro estava no cercado quando houve a notificação”, disseram em uma declaração.

Uma outra pessoa não identificada havia sofrido um ferimento leve após ser atacada pelo carneiro no recinto, disse a polícia.

“Assim que nosso pessoal chegou ao local, eles também foram confrontados pelo carneiro”, acrescentou a polícia.

“Ao proceder uma avaliação de risco, o carneiro foi morto a tiro no local”.

O sobrinho do casal, Dean Burrell, disse que as vítimas tinham na faixa dos 80 anos e haviam morrido em um “acidente trágico” envolvendo o animal, de acordo com a mídia local de notícias Stuff.

A polícia disse que estavam investigando o incidente e que uma autópsia seria realizada nesta sexta-feira (19).

A Nova Zelândia é lar para 5 milhões de pessoas e aproximadamente 25 milhões de ovinos.

Fonte: Channel News Asia

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - promoção Torcida BB!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!