Panda-gigante mais velha do Japão morre aos 28 anos

Tan Tan era para ser enviada de volta à China em 2020, mas seu retorno foi adiado por causa da pandemia de coronavírus.

A panda-gigante mais velha do Japão, Tan Tan, morreu em decorrência de doença cardíaca causada pela idade (NHK)

A panda-gigante mais velha do Japão, Tan Tan, morreu na segunda-feira (1º) em decorrência de doença cardíaca causada pela idade. Ela tinha 28 anos, o que se traduz a cerca de 100 anos humanos.

Publicidade

Nascida na China em 1995, a panda-gigante, cujo nome é pronunciado como “dan dan” em chinês, foi enviada ao Japão no ano de 2000, onde ela viveu no Zoológico Kobe Oji por 24 anos como símbolo de recuperação do Grande Terremoto de Hanshin que sacudiu a região em janeiro de 1995.

Em uma coletiva de imprensa na tarde de segunda-feira, o diretor do zoológico, Yujiro Kako, disse que a panda-gigante havia encorajado residentes por cerca de 24 anos, principalmente após o terremoto.

“Desejamos sinceramente manifestar nossa gratidão a todos que mostraram interesse e amor pela panda-gigante Tan Tan ao longo dos anos”, disse Kako.

Após a expiração de sua locação ao Japão, Tan Tan deveria ser enviada de volta à China no ano de 2020, mas seu retorno foi adiado por causa da pandemia de coronavírus.

Depois da pandemia, seu retorno foi adiado novamente para que ela pudesse ser submetida a um tratamento médico na sequência de um diagnóstico de doença cardíaca relacionada à idade.

Com a morte de Tan Tan e seguindo o retorno para a China de Xiang Xiang, o Japão tem agora 8 pandas – 4 no zoológico de Ueno em Tóquio e outros 4 no Adventure World em Wakayama.

Fonte: Japan Times

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Ameaça de bomba no campus da universidade suspende atividades dos calouros

Publicado em 2 de abril de 2024, em Sociedade

Uma ameaça de explosão de bomba foi enviada para a Universidade Aichi Gakuin.

Vista aérea do campus universitário em Nagoia, ameaçado de bomba (Nagoya TV)

Segundo a Universidade Aichi Gakuin, à 1h12 de segunda-feira (1.º), foi enviado um e-mail à Divisão de Assuntos Acadêmicos informando: “O campus Aichi Gakuin Meijo Park será explodido no dia 2 de abril (terça-feira) das 9h às 18h” .

Publicidade

A polícia recebeu denúncia da universidade e fez buscas no campus da cidade de Nagoia no mesmo dia, mas não encontrou nenhum objeto suspeito.

Na terça-feira (2), dia da ameaça de explosão da bomba, a universidade cancelou todas as sessões de orientação programadas para novos alunos em quatro departamentos, incluindo a Faculdade de Comércio e a Faculdade de Economia, e proibiu a entrada no campus.

A polícia está investigando a ameaça porque há suspeita de obstrução forçada de negócios e continuará a tomar precauções.

Fonte: Nagoya TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!