Diferença entre bicicletas com motor para andar dentro da lei

Uma delas, de motor, pode ser usada normalmente, sem capacete e sem carteira de habilitação. Na infração poderá ser encaminhado para a promotoria.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

As da esq. são 電動アシスト付自転車 e as da dir. são ペダル付きの原動機付自転車 (Kakaku Mag e Rakuten)

À primeira vista as bicicletas são parecidas, pois as duas têm pedal – o que parece óbvio – e também um motor. No entanto, se o usuário não tiver carta de habilitação para dirigir motonetas não pode usar uma delas, a mais em conta.

Publicidade

A do tipo assistida pelo motor elétrico (電動アシスト付自転車, lê-se dendo ashisuto tsuki jitensha), como o próprio nome indica, é para facilitar as pedaladas. Ela não funciona de forma motorizada. O motor anexo só fornece uma assistência para facilitar nas subidas, quando carrega muito peso ou para suavizar o cansaço nas pedaladas de longa distância.

Não precisa de carta de motorista (Kakakumag)

São inúmeros os modelos, com bateria removível para recarga e diversas especificações.

As marcas mais famosas desse tipo são Yamaha, Panasonic e Bridgestone. Apesar dos preços terem melhorado depois dos lançamentos, ainda ficam na faixa dos 100 a mais de 300 mil ienes.

Para andar com elas, inclusive muitas mães usam, o adulto não precisa usar capacete tampouco precisa de licença. Basta seguir as regras de cada cidade.

De motor que precisa de licença

Já o outro tipo, com pedal e motorizada é a chamada de ペダル付きの原動機付自転車 (lê-se pedaru tsuki no dendoki tsuki jitensha). Aparentemente parece ser a mesma coisa da outra. Mas se trata de um ciclomotor. Funciona com um motor de combustão interna.

Na hora da compra a loja avisa que precisa ter carta de motorista (Rakuten)

Assim sendo, a lei vê essa bicicleta como veículo motorizado. Por isso é preciso usar capacete, andar nas vias para tráfego e também tem que ter carta de habilitação. Para quem já tem por dirigir veículo de 4 rodas, sem problema.

Para as pessoas que ainda não têm é preciso fazer umas aulas para obtê-la no mesmo dia, a partir dos 16 anos. Note que essa idade é só para os ciclomotores e motonetas com até 50cc. São as chamadas cinquentinha no Brasil.

Além do capacete e carta de habilitação o usuário precisa providenciar placa, seguro e conferir se tem todos os itens de segurança como os faróis, buzina, retrovisores, freio, etc.

Por isso, se pensa em comprar verifique esses detalhes. Em geral, elas são tentadoras para o consumidor, por causa do preço bem mais em conta do que as do tipo com assistência. Alguns modelos custam na faixa dos 50 mil ienes.

Fontes: Agência Nacional de Polícia, Rakuten e Kakakumag

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Vietnamita encaminhada para a promotoria pelo uso de bicicleta motorizada

Publicado em 24 de janeiro de 2019, em Crime

O Departamento de Polícia Metropolitana encaminhou uma vietnamita para a promotoria pelo uso de bicicleta motorizada. Saiba mais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!
.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância