Novo teste de coronavírus no Japão usa apenas saliva

Alternativa não evasiva representa menos risco de passar o vírus para equipes médicas.

(Imagem ilustrativa/PM)

A fabricante japonesa de instrumentos de precisão Shimadzu adicionará saliva à amostra de reagentes PCR (reação em cadeia da polimerase) para teste do novo coronavírus, após a companhia ter confirmado que ela era tão precisa quanto métodos convencionais.

Publicidade

O Ministério da Saúde do Japão planeja permitir testes usando saliva neste mês. O procedimento não evasivo é simples e representa menos risco de passar infecções secundárias.

A companhia expandirá seu fornecimento de reagente e vai se preparar para uma possível segunda onda de infecções.

A Shimadzu já está comercializando reagente para o vírus. O método não exige extrair impurezas as quais impedem a amplificação de gene. Os resultados dos testes saem em cerca de 60 minutos.

A companhia está colaborando com o Hospital Universitário de Hokkaido no novo método, e diz que os resultados são tão precisos quanto os convencionais de coletar amostras de substâncias da garganta ou nariz.

No início de maio, a Associação Médica do Japão solicitou ao ministério da saúde que explorasse testes PCR usando saliva, e pediu à Shimadzu que confirmasse a eficácia.

Ao contrário da saliva, testes convencionais podem induzir ao espirro, colocando equipes médicas sob risco – uma grande preocupação.

A Shimadzu esperava fornecer reagentes suficientes para 100 mil pessoas por mês a partir de abril, mas aumentará a produção para 600 mil até junho.

A medida ocorre porque a demanda por testes deve aumentar em meio à ameaça de uma segunda onda de infecções, principalmente da Ásia, Europa e dos EUA, assim como de países emergentes.

Fonte: Asia Nikkei

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Quase 800 lojas da FamilyMart no Japão terão horário de funcionamento reduzido

Publicado em 27 de maio de 2020, em Sociedade

Cerca de 5,4% de todas as franquias da FamilyMart encerrarão suas operações 24 horas e mudarão para horários de funcionamento reduzidos.

Fachada de uma loja da FamilyMart (PM)

A rede FamilyMart Co. revelou em 25 de maio que introduzirá horários de funcionamento reduzidos em 787 lojas de franquia no Japão a partir de 1º de junho.

Publicidade

Cerca de 5,4% de todas as franquias da grande rede de lojas de conveniência, excluindo aquelas dentro de instalações comerciais, encerrarão suas operações 24 horas e mudarão para horários de funcionamento reduzidos.

Cada franquia pode decidir por um horário de fechamento entre 23h e 7h. Dessas lojas, 514 declararam que vão operar horários mais curtos todos os dias, enquanto as 273 restantes escolheram fazer isso somente aos domingos.

Quando perguntadas pela razão para solicitar a reforma operacional, 57,5% das lojas responderam que elas fizeram isso por conta de escassez de mão de obra, seguidas por 18,9% as quais disseram que “os clientes são poucos durante o horário noturno”, e 16,1% manifestaram desejo de melhorar o ambiente de trabalho.

A FamilyMart começou a introduzir horários operacionais reduzidos em algumas de suas lojas em caráter experimental em junho de 2019 e desde março deste ano havia recrutado franquias que desejavam reduzir horários de funcionamento.

Cerca de 14,6 mil lojas com operações 24 horas eram elegíveis para solicitar, excluindo aquelas gerenciadas diretamente pelos proprietários.

Houve um crescente movimento entre as franquias de cada operadora de loja de conveniência para exigir uma mudança nos contratos a fim de ganhar horas reduzidas e feriados.

Cerca de 300 lojas da Seven-Eleven Japan e cerca de 250 da Lawson estão atualmente operando sob horários reduzidos. A FamilyMart planeja continuar permitindo que as lojas reduzam seus horários de funcionamento se elas solicitarem.

Fonte: Mainichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros