Japão abre aeroportos para passageiros do mundo todo

Mesmo em meio à disseminação do coronavírus o Japão relaxou as restrições para grande parte dos países, valendo a partir de 1.º deste mês. Mas tem limite diário.

Passageiros estrangeiros no aeroporto (NHK)

Começa na quinta-feira (1.º) a entrada de estrangeiros de todos os países do mundo, após a decisão do relaxamento das restrições por parte do governo, mesmo em meio à disseminação do novo coronavírus.

Publicidade

Assim, executivos de negócios, pessoal das áreas de educação e saúde, estudantes, estagiários técnicos e outros terão entrada permitida. 

Embora tenha sido amplamente divulgado no Brasil que os interessados em trabalhar no Japão podem se beneficiar do relaxamento, o governo japonês estabeleceu um limite de até mil passageiros nos aeroportos, por dia. Para quem já possui visto de permanência a entrada fica facilitada a partir dessa data.

Além disso, todos os passageiros devem colaborar para o deslocamento com carro – não podem usar transporte público – e também ficar de quarentena por 14 dias em casa. 

Segundo informações do governo, no futuro pretende aumentar gradualmente a entrada de pessoas vindas do exterior.

Fontes: ANN e NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Atualização dos salários mínimos a partir de outubro

Publicado em 1 de outubro de 2020, em Economia

Em geral cada província atualiza seu salário mínimo em outubro, mas nem todas são a partir de 1.º, por isso, confira o quadro.

Imagem ilustrativa do salário mínimo por hora de Tóquio (PM)

Receber o salário com valor equivalente ou superior ao mínimo vigente é direito do trabalhador. E no Japão não é diferente, por isso, veja a tabela publicada pelo MHLW-Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar atualizada, pois no arquipélago nipônico cada província determina o seu valor por hora e, em geral, é atualizado em outubro.

Publicidade

Vale lembrar que todos os trabalhadores, sejam eles part timer, arubaito, contratado temporariamente, em período de experiência, haken, entre outros, têm direitos iguais. Por isso, o empregador sempre deve assegurar que o trabalhador receba o justo. 

Este ano, com a pandemia e os consequentes reflexos negativos na economia, os ajustes foram ínfimos. 

A título de curiosidade o mínimo mais baixo é de Okinawa e Oita, com valor de ¥792/h, por isso, em uma jornada diária de 8 horas o cálculo é de 6.336 ienes. E o mais elevado é de Tóquio, com ¥1.013/h, o que resulta em diária de 8.104 ienes para 8 horas de trabalho.

Hokkaido e Tohoku

Região Kanto

Região Hokuriku

Região Koshin

Região Tokai

Região Kansai

Região Chugoku

Região Shikoku

Região Kyushu e Okinawa

Fonte: MHLW

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros