‘A luz está ficando visível’, disse Suga em relação às vacinas contra cepa Delta

Publicado em 26 de agosto de 2021, em Sociedade

No pronunciamento sobre o acréscimo das 8 províncias ao estado de emergência, o governo se mostrou otimista em relação às medidas contra a infecção.

 ‘A luz está ficando visível’, disse Suga em relação às vacinas contra cepa Delta
Suga durante o pronunciamento para a população na noite de quarta-feira (NHK)

Depois de confirmar o acréscimo das 8 províncias ao estado de emergência, mais 4 sob as medidas prioritárias, no final da tarde de quarta-feira (25), após as 21h, o Primeiro-Ministro Yoshihide Suga fez um pronunciamento voltado para a população.

Publicidade

Expressou sua confiança dizendo “a luz está ficando visível” em relação à inoculação e ao uso do novo agente terapêutico. 

“A vacinação tem um efeito claro sobre a variante Delta, e é possível prevenir o agravamento (dos pacientes com Covid-19) com o coquetel de anticorpos”, explicou Suga.

Além disso, manifestou a intenção de analisar a situação vacinal, o número de pessoas gravemente enfermas e as condições dos leitos, já em vista ao cancelamento do estado de emergência em 12 do próximo mês.  

Ele também enfatizou a ideia de garantir um sistema médico avançado para as gestantes infectadas e fortalecer a cooperação com hospitais e governos locais para que possam ser transportadas rapidamente.

E, antes do novo semestre, ele expressou sua intenção de fortalecer medidas escolares, como a promoção da vacinação de professores e funcionários, a fim de evitar a propagação da infecção entre as crianças, mas negou o pedido de fechamento de escolas em todo o país.

Estado de emergência e medidas prioritárias

Com a inclusão de 8 províncias sob estado de emergência, são 21 no total: atuais Okinawa, Tóquio, Saitama, Chiba, Kanagawa, Osaka, Ibaraki, Tochigi, Gunma, Shizuoka, Quioto, Hyogo, Fukuoka; e a partir de sexta-feira Hokkaido, Miyagi, Gifu, Aichi, Mie, Shiga, Okayama e Hiroshima.

Sob as medidas prioritárias, atualmente são: Ishikawa, Fukushima, Kumamoto, Toyama, Yamagata, Kagawa, Ehime e Kagoshima. A partir de sexta-feira entram mais 4: Kochi, Saka, Nagasaki e Miyazaki.

Fontes: Yomiuri, ANN e NHK

Neste Artigo:

Vamos comentar?


.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão