Tochigi: baixo índice de vacinação dos estrangeiros

O índice de vacinação dos residentes estrangeiros em Tochigi é baixo, segundo pesquisa realizada pela NHK.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem de arquivo da NHK

A NHK realizou uma pesquisa em 25 cidades e vilas na província de Tochigi para investigar o índice de vacinação dos residentes estrangeiros.

Na capital – Utsunomiya – o índice da cidade, em geral, foi de 42%, enquanto dos estrangeiros foi de 23%. Na cidade de Oyama, que é a segunda maior da província, no geral foi de 40%, sendo que apenas 15% dos estrangeiros se vacinaram.  

Em Ashikaga, que possui o terceiro maior número, o geral foi de 44%, mas apenas 11% dos estrangeiros. Em Ichikai 51% dos estrangeiros já se vacinaram, enquanto em Mibu, apenas 5%.

Supõe-se que um dos motivos do índice ser baixo é que os residentes estrangeiros não compreendem o idioma japonês e não conseguem fazer a reserva, ou não possuem conhecimento suficiente sobre a importância da vacina, segundo avaliação da província e da Associação Internacional de Tochigi.

Do final de agosto ao início de setembro, aumentou o número de consultas sobre vacinação no programa da linha direta sobre o coronavírus. Muitas delas eram consultas relacionadas à reserva da vacinação por não saberem ler o japonês.

Conselheira Eliza, da associação internacional (NHK)

A conselheira Eliza Honda Saotome, da Associação Internacional de Tochigi, opinou que “o site de reserva da vacinação poderia ser multilíngue ou aumentar os locais de vacinação onde as pessoas possam ir sem reserva ou ainda fornecer orientação em vários idiomas sobre o assunto. Poderia ser eficaz no avanço da vacinação em Tochigi”. 

Caso ainda não tenha lido o guia da vacinação, incluindo como preencher o formulário com modelo em português, toque aqui para ler.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Universidade testará vitamina A contra perda de olfato causada pela Covid-19

Publicado em 30 de setembro de 2021, em Notícias do Mundo

Perda ou sentido alterado do olfato é um sintoma comum da Covid-19, embora muitos outros vírus, como o da influenza, também possam causá-los.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Gotas nasais de vitamina A poderiam ser capazes de tratar a perda ou sentido alterado do olfato em algumas pessoas que tiveram Covid-19, dizem pesquisadores no Reino Unido.

A Universidade de East Anglia está conduzindo um ensaio clínico de 12 semanas.

Somente alguns dos pacientes voluntários receberão o tratamento, mas será pedido a todos que cheirem odores fortes como ovos podres e rosas.

E exames do cérebro verificarão se a vitamina recuperou as vias olfatórias feridas ou “nervos do olfato”.

Perda ou sentido alterado do olfato é um sintoma comum da Covid-19, embora muitos outros vírus, como o da influenza, também possam causá-los.

E enquanto as pessoas naturalmente recuperam o olfato dentro de algumas semanas, muitas continuam com problemas.

O pesquisador líder, o professor Carl Philpott, da Escola Médica Norwich e dos Hospitais da Universidade NHS Trust, disse: “Queremos descobrir se há um aumento no tamanho e atividade de vias olfativas danificadas nos cérebros dos pacientes quando eles são tratados com gotas nasais de vitamina A”.

“Procuraremos mudanças no tamanho do bulbo olfatório – uma área acima do nariz onde os nervos olfativos se juntam e se conectam ao cérebro”.

“Também olharemos atividade em áreas do cérebro ligadas ao reconhecimento de odores”.

A vitamina A, ou retinol, ajudam a manter:

  • o sistema imunológico – a defesa do corpo contra doenças e infecção
  • a visão – principalmente sob luz fraca
  • a pele e paredes de algumas partes do corpo, incluindo o nariz

Muitos produtos laticínios, assim como alguns vegetais, contêm essa vitamina lipossolúvel

Contudo, pessoas que fazem uso de suplementos de vitamina A devem ter consciência que em demasia pode ser prejudicial.

Fonte: BBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades