Museu no Japão conquista Guinness como o mais visitado do mundo

O museu de arte digital teamLab Borderless em Odaiba recebeu um recorde de 2.198.284 visitantes em 2019.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

As exibições no museu de arte digital conquistaram o mundo (teamLab Borderless)

Desde sua inauguração no verão de 2018, o teamLab Borderless em Odaiba (Tóquio) recebeu milhões de visitantes de mais de 160 países e regiões.

Com suas instalações de arte hipnotizantes, não é surpresa que o museu está no topo da lista de lugares para visitar, tanto por turistas quanto residentes locais.

Dentro do primeiro ano de abertura, o teamLab Borderless foi facilmente uma das atrações mais visitadas no Japão. Contudo, um recém-conquistado certificado do Guinness World Records o torna oficialmente o museu mais visitado no mundo dedicado a um único grupo de artistas.

Essa conquista foi baseada no número de pessoas que visitou o museu entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2019.

O museu mais visitado no mundo dedicado a um único grupo de artistas (teamLab Borderless)

Com um total recorde de 2.198.284 visitantes, o teamLab Borderless ultrapassou o Museu de Van Gogh em Amsterdã, que recebeu 2.134.778 visitantes no mesmo ano, assim como o Museu do Picasso com 1.072.887.

É um feito impressionante, mas a arte coletiva não tem a intenção de diminuir o ritmo. Além da nova exibição Garden Area revelada no Planeta da teamLab no início deste mês, um novo conjunto de obras de arte foi apresentado em 15 de julho no museu teamLab Borderless após uma grande renovação.

Como medida de prevenção contra a Covid-19, o teamLab Borderless está atualmente limitando o número de visitantes. Além disso, todas as superfícies dentro do museu são higienizadas regularmente.

Fonte: Timeout

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Falsa médica é presa em Aichi por aplicar vacina contra Covid-19

Publicado em 27 de julho de 2021, em Crime

Ela obteve um certificado como médica para se tornar diretora de uma instituição e aplicou vacina.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Apreensão de jaleco, instrumentos, certificado falso e livros (CBC TV)

A polícia de Aichi informou na segunda-feira (26) sobre a prisão, pela segunda vez, da japonesa 月舘靜惠, 70 anos, desempregada e residente em Mito (Ibaraki).

De acordo com as investigações policiais, Tsukidate foi diretora de uma instituição de longa permanência para idosos, na cidade de Kasama (Ibaraki), de maio a junho deste ano.

Mesmo sem ter licença médica teria aplicado 108 doses da vacina contra o novo coronavírus nos 83 idosos, ferindo a lei. Mas, não há relato de danos em ninguém.

Em relação a essa suspeita de violação da lei médica, ela admite, segundo a polícia. 

Ela foi presa em junho sob suspeita de fraude. Teria enviado à província uma cópia da licença médica para que pudesse trabalhar como diretora dessa instituição de cuidados dos idosos. No entanto, essa era falsa, comprada de um grupo criminoso chinês.  

Fontes: CBC TV e Tokai TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades