A instrutora de Fit Jump Tai Imai

Nesta entrevista exclusiva, conheçam Tai Imai, uma mulher inspiradora que superou adversidades e encontrou sua paixão em ajudar os outros a viver de forma saudável. De criança excluída por ser obesa a aspirante a personal trainer, Tai compartilha sua jornada de superação e determinação em fazer a diferença.

Publicidade

Descubra como ela enfrentou o bullying, encontrou motivação para mudar sua vida e busca empoderar outras pessoas a alcançarem uma transformação positiva. Preparem-se para se inspirar com o relato de Tai Imai, uma verdadeira luz no caminho para uma vida saudável.

Portal Mie: Tai, você nasceu no Japão e consequentemente estudou em escolas japonesas. Como foi conviver com seus coleguinhas japoneses?
Tai Imai: Foi uma convivência difícil. Eu era uma criança diferente deles, com traços e corpo diferentes. Sofria muito bullying e já fui chamada por vários nomes horríveis. Jogavam meus livros, calçados, entre outros, no lixo. Também já fui trancada dentro do banheiro. O que mais doía era o desprezo, eu sempre era a excluída nos trabalhos em grupo, a professora tinha que pedir para alguém me incluir por pena.

Eu sempre ficava sozinha e odiava qualquer atividade em grupo e tinha vergonha de me trocar nas aulas de educação física, principalmente na natação, então quase não participava. Sempre inventava alguma desculpa pois tinha medo de me expressar durante as aulas. Quase não comia também, porque se me vissem comendo, toda a sala começava a rir e falar: “por isso você está gorda desse jeito.” Comecei a querer faltar às aulas, porque todos os dias voltava chorando… Nenhuma criança deveria passar por isso.

Portal Mie: Com 15 anos você já tinha problemas com a obesidade. Como foi conviver com isso?
Tai Imai: Passei um tempo sem minha mãe, e meu irmão saiu cedo de casa. Meu pai trabalhava muito para conseguir sustentar tudo sozinho. Ele se sentia culpado, então sempre tentava me alegrar com comida (eu não julgo porque sei que tudo foi por amor). Não recebi nenhum ensinamento sobre calorias, o que é bom evitar, o que é saudável e não saudável. Então, para mim, era normal comer de tudo e a quantidade que eu quisesse.


Sentia-me muito mal por me ver daquele jeito aos 15 anos. O que mais doía eram os comentários das pessoas, as roupas que as meninas da minha idade usavam e eu não conseguia usar, ou não encontrava no meu tamanho. Já tinha alguns problemas, como falta de ar, queimação no estômago e dor no calcanhar, problemas que uma adolescente normal de 15 anos não teria. Foi bem difícil…

Portal Mie: Como aconteceu a grande virada de chave para vencer a obesidade?
Tai Imai: Eu sempre tentava fazer algumas dietas, mas acabava desistindo, mas um dia, me pesei e vi que estava com 98 kg. Faltavam menos de 2 kg para atingir os 3 dígitos, e eu tinha apenas 16 anos, foi quando decidi mudar! Pensei que precisava melhorar naquele momento, porque a tendência era piorar, e eu não podia permitir que isso acontecesse. Foi quando decidi e comecei. Como mencionei antes, eu não tinha entendimento na época, então fiz do meu jeito errado. Cortei os carboidratos durante aproximadamente 3 anos. Comia apenas proteínas, legumes, verduras e também frutas, o que não é uma maneira saudável de perder peso, mas consegui eliminar bastante peso.

Tai Imai: Algum tempo atrás você começou a treinar Fit Jump. Conte para o nosso leitor como se treina isso.
Portal Mie: O Fit Jump é um exercício cárdio intenso no qual queimamos muitas calorias. Na nossa equipe Xanda, temos várias modalidades modernas, como o Hard (que é uma música para animar), funcional (que trabalha músculos específicos como pernas, braços e abdômen) e também temos danças. É um treino cárdio de 1 hora divertido, com várias alunas e uma vibe incrível.

Portal Mie: De aluna a instrutora de Fit Jump, tem alguma outra modalidade de esporte que você ainda queira fazer?
Tai Imai: Quero me tornar uma personal trainer no futuro. Quero montar dietas e treinos, ajudar as pessoas a entenderem o que é comer de forma saudável e por que é necessário se exercitar. Quero ajudar, motivar e ser uma luz para alguém que precise.

Portal Mie: Você também é Digital Influencer e tem muitos seguidores. Como você encara os haters?
Tai Imai: Confesso que às vezes é difícil lidar, mas graças a Deus, tenho mais pessoas que me apoiam e torcem pela minha felicidade do que essas pessoas. Então, tento não ligar e sigo fazendo o que amo!

Portal Mie: Você é apaixonada por carros. Qual o modelo que você tem e o carro dos teus sonhos?
Tai Imai: Tenho um Nissan Silvia S15 rosa bebê (risos), e gosto tanto dele que nem consigo descrever, mas por enquanto estou feliz com o meu carro. Ele também foi o meu sonho que, com a graça de Deus, consegui realizar.

Portal Mie: Para manter esse corpo exuberante, além dos treinos, qual é a sua rotina na alimentação?
Tai Imai: Tenho um personal trainer que monta minhas dietas, e eu apenas sigo as instruções (risos). Mas, basicamente a dieta consiste em proteínas e carboidratos.

Portal Mie: Além de ser uma inspiração para muita gente, qual conselho você daria para aquela pessoa que esteja passando por problemas de obesidade?
Tai Imai: O que sempre digo é: se a mudança for para o bem, escolha sempre mudar. Começar é sempre difícil, eu sei muito bem como é. Eu tive que começar sozinha, aprender sozinha! Portanto, procure a ajuda de um profissional na área, como um personal trainer ou um nutricionista. Vocês não sabem o quanto é melhor quando tem alguém para ajudar e orientar no caminho certo.

Façam exercícios, comam de forma saudável. Seu eu futuro vai te agradecer muito, e lembre-se sempre de que você é o seu lar, trate-se com carinho, se ame e se priorize. E para aqueles que estão nessa luta, não desistam. Por mais doloroso que o caminho seja, CONTINUEM TENTANDO. Mais adiante, vocês verão o quão lindo é o fruto que plantaram e vão agradecer por nunca terem desistido.

Contatos com Tai Imai

Instagram: Tais Imai
Facebook: Tais Imai

Reportagem
Clayton Moraes – Fotógrafo & Colunista
Fotos – cedidas

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!