Gisele Adorno: uma brasileira que realizou seu sonho no Japão

Para se tornar policial é preciso que tenha a cidadania japonesa. Embora Gisele não a tenha, conseguiu realizar seu sonho, mesmo que por apenas um dia.

No coração de Yokkaichi (Mie), uma jovem brasileira chamada Gisele Adorno viu seu sonho de infância ganhar vida de uma maneira única. Apesar de não possuir a cidadania japonesa, ela teve a oportunidade de assumir o papel de chefe da polícia de Mie por um dia. O emocionante evento ocorreu no último sábado (13/jan) durante uma cerimônia especial realizada em Toin-cho, sob a tutela da Delegacia de Inabe (Mie).

Publicidade

Aqui nessa entrevista exclusiva para o Portal Mie, ela nos conta sobre esse sonho realizado e essa experiência incrível vivida. Bora lá conferir?

Portal Mie: Como foi a experiência de ser chefe da Delegacia de Inabe por um dia? Quais foram os momentos mais memoráveis para você?
Giselle Adorno: Nunca pensei que conseguiria realizar um sonho do qual havia desistido, então fiquei muito surpresa e me senti muito feliz.

Portal Mie: Como surgiu a oportunidade de realizar seu sonho, mesmo sem ter a cidadania japonesa necessária para se tornar policial?
Giselle Adorno: Eu administro uma escola de cursinho chamado Yumehana Juku, onde estrangeiros podem frequentar. Isso foi publicado no noticiário da NHK em abril do ano passado, e a polícia viu a matéria e me procurou.

Não me tornei uma policial pois ainda as leis não me permitiriam. Porém fui homenageada pela polícia me tornando Chefe Policial por um dia. Para mim este simbólico gesto foi muito grandioso e sou muito grata a toda a corporação. Mesmo que eu não possa me tornar uma policial, quero fazer do Japão um lugar melhor para os estrangeiros viverem, e acho que isso é o resultado das minhas ações.

Portal Mie: Durante a cerimônia de comissionamento, o que passou pela sua mente ao receber a carta do chefe Shinke Masanori e vestir o uniforme de policial?
Giselle Adorno: Um sentimento de realização, fiquei tão feliz que quase chorei.

Portal Mie: Como foi interagir com os policiais durante a sessão de perguntas e respostas? Houve alguma pergunta que a surpreendeu?
Giselle Adorno: Fiquei surpresa ao descobrir que existem muitos trabalhos diferentes que os policiais têm que fazer, e há muitos trabalhos que eu não conhecia, como atender o telefone.

Portal Mie: Você poderia compartilhar algumas das informações importantes que destacou durante a sessão de esclarecimento, como o uso adequado do número de emergência 110?
Giselle Adorno: Se não for uma emergência, não ligue para o 110, mas sim para a delegacia (por exemplo, se perdeu a carteira). Além disso, se você cometer um erro ao discar, não desligue imediatamente e informe que você cometeu um erro.

Portal Mie: Qual é a sua mensagem para as pessoas em relação ao uso correto do número de emergência 110 e questões de segurança?
Giselle Adorno: Cerca de 20% de ligações por dia não são de emergência. No caso de ocorrer um incidente importante, isso pode levar à perda de tempo, por isso quero que as pessoas saibam como usá-lo corretamente.

Portal Mie: Como você se sentiu ao incentivar as pessoas a usar o 110 de maneira apropriada? Qual é a importância desse serviço para a comunidade?
Giselle Adorno:Há muitas coisas que não sei e pode haver muitas pessoas além de mim que estão usando isso incorretamente. Acho que foi uma boa oportunidade para descobrir as informações corretas.

Portal Mie: O que você aprendeu com essa experiência que pode impactar sua vida e seus objetivos futuros?
Giselle Adorno: Com esta experiência, consegui realizar um dos meus sonhos. Percebi como é maravilhoso realizar sonhos. E que não deveríamos desistir jamais disso.

Portal Mie: Quais são seus planos e aspirações para o futuro em relação à sua paixão para se tornar policial ou envolver-se em atividades relacionadas à segurança?
Giselle Adorno: Eu queria me tornar uma policial para ajudar as pessoas. Agora sei que existem muitas maneiras para ajudar as pessoas, mesmo que você não seja policial. Quero criar um ambiente onde como eu, estrangeiros e crianças possam realizar seus sonhos sem desistir!

Agradecimentos:
Agradeço ao Chefe de Policia Shinke Masanori por ter me concedido este lindo momento, aos meus pais por me apoiarem sempre e a todos envolvidos neste dia que será inesquecível para mim. Confira também a matéria tocando aqui

Reportagem
Clayton Moraes – Fotógrafo & Colunista
Fotos – cedidas

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - promoção Torcida BB!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!