Prefeito considera fechar o ropeway do Monte Kusatsu-Shirane

Após passageiros terem ficado feridos nas erupções vulcânicas em 23 de janeiro, prefeito considera fechar o ropeway.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Após passageiros terem ficado feridos nas erupções vulcânicas em 23 de janeiro, prefeito considera fechar o ropeway (TBS News/reprodução)

O prefeito da cidade de Kusatsu (Gunma) disse na quinta-feira (25) que vai considerar o fechamento do ropeway (teleférico) no Monte Kusatsu-Shirane, após passageiros terem ficado feridos nas erupções vulcânicas que ocorreram no pico Motoshirane em 23 de janeiro.

Publicidade

“Não há maneira de retomar as operações nesta temporada”, disse o prefeito Nobutada Kuroiwa.

“O ropeway está a uma distância de apenas 200 a 300 metros das crateras vulcânicas, então é quase impossível mantê-lo longe da área de alerta vulcânico. Terei que tomar uma decisão séria (sobre o futuro do ropeway) em algum estágio”, continuou.

O teleférico foi inaugurado em 1960 e desde então atrai visitantes o ano todo por causa dos cenários sazonais estonteantes da área.

Fonte: Mainichi
Imagem: TBS News

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Aumento do número de trabalhadores estrangeiros

Publicado em 26 de janeiro de 2018, em Comunidade

Houve crescimento também no número dos trabalhadores brasileiros. Veja as estatísticas divulgadas nesta sexta-feira.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Aumento dos trabalhadores estrangeiros no Japão e, consequentemente, da mão de obra brasileira

O Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar divulgou nesta sexta-feira (26) a estatística dos trabalhadores estrangeiros no Japão. O aumento foi de 18% em relação ao mesmo período do ano passado. A estatística foi fechada no final do mês de outubro do ano passado e mostra uma curva de crescimento ascendente pelo quinto ano consecutivo.

Publicidade

O total é de 1.276.670 trabalhadores, de vários países, incluindo o Brasil. Os números mostram o quanto as indústrias dependem da mão de obra estrangeira e o quanto o setor de prestação de serviços como as lojas de conveniência dependem dos estagiários técnicos e estudantes da Ásia.

Em 5 anos houve um crescimento de 600 mil pessoas, chegando a 2% da força trabalhadora do país. Houve também um aumento das empresas empregadoras, de 13%, totalizando 194.595.

Trabalhadores por país

Os chineses lideram com 372.263, representando 29% do total. Houve um crescimento de 40% da mão de obra vietnamita, passando para o segundo lugar, com 242.590 trabalhadores. Os filipinos estão em terceira posição com 12% da fatia, o que significam 146.798 trabalhadores.

Logo em seguida, em quarto lugar vêm os trabalhadores verde amarelos com 117.299 pessoas. Segundo dados do governo, o crescimento da mão de obra brasileira foi de 9%. Quanto aos peruanos o crescimento foi de apenas 2%, no total atual de 27.695 pessoas trabalhando.

Em quinto lugar aparecem os nepaleses com 69.111 pessoas.

Houve um salto de 18% da vinda de mão de obra altamente especializada, com 234.412 estrangeiros.  

Gráfico mostra as populações dos trabalhadores por país (governo)

Fonte: Nikkei Shimbun
Imagem ilustrativa 

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância