Número recorde de trabalhadores estrangeiros pelo 5º ano consecutivo

Aqueles com vistos que não têm restrições sobre trabalho, como residentes permanentes e indivíduos casados com japoneses, formaram a maior porção.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Empresas estão cada vez mais contratando estagiários estrangeiros e outros de fora do Japão (imagem ilustrativa)

O número de cidadãos estrangeiros empregados no Japão atingiu um recorde pelo quinto ano consecutivo em 2017, enquanto a nação continua enfrentando uma escassez de mão de obra.

Publicidade

De acordo com o ministério do trabalho, o número aumentou 18% ante o ano anterior, totalizando 1.278.670 até o final de outubro passado.

O aumento mostrou, segundo o ministério, que as empresas estão cada vez mais contratando estagiários estrangeiros e outros de fora do Japão.

O número de trabalhadores estrangeiros chegou a 1,08 milhão no final de outubro de 2016, excedendo pela primeira vez a marca de 1 milhão desde 2008, quando as estatísticas começaram a ser disponibilizadas.

Por situação de visto, aqueles com vistos que não têm restrições sobre trabalho, como residentes permanentes, assim como indivíduos casados com japoneses, formaram a maior porção, totalizando 459.000 desde o final de outubro de 2017.

Ao passo que os portadores de vistos que não são de trabalho e que exigem permissão para tal, incluindo estudantes estrangeiros e de meio período, tenham contado por 297.000, 257.000 eram estagiários técnicos estrangeiros. Médicos, pesquisadores, executivos de empresas, dentre outros com qualificações avançadas totalizaram 238.000.

Em particular, o número de pessoas que recebeu permissão para trabalhar, assim como estagiários, aumentou em mais de 20% em cada categoria.

Fonte: Asahi
Imagem: Bank Image

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Medicamento de dose única para influenza tem venda aprovada no Japão

Publicado em 26 de fevereiro de 2018, em Saúde, Bem-Estar e Cotidiano

O medicamento chamado Xofluza começará a ser vendido assim que os preços forem estabelecidos.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O Xofluza surge como um rival do conhecido Tamiflu para tratar a influenza (imagem ilustrativa)

Um medicamento que impede a replicação do vírus da influenza com uma única dose oral foi aprovado para venda no Japão.

Publicidade

A fabricante de medicamentos Shionogi anunciou na sexta-feira (23) que o comprimido Xofluza havia recebido aprovação do Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar.

O medicamento foi reavaliado sob um processo de “caminho rápido” que o ministério introduziu em 2015 e começará a ser vendido assim que os preços forem estabelecidos, informou a empresa.

O Xofluza foi muito elogiado por seu mecanismo inovador e surge como um rival do Tamiflu, um medicamento que requer duas doses diárias ao longo de um período de cinco dias consecutivos.

Com somente uma dose, o Xofluza inibe a enzima que o vírus da influenza necessita para se replicar. O Tamiflu, por outro lado, não impede a replicação do vírus.

A Shionogi prevê que seu novo produto ajudará a reduzir os custos para pacientes e reforçar o controle de infecção nos lares e locais de trabalho.

O Xofluza é o primeiro medicamento a ser aprovado através do sistema de revisão de caminho rápido. O Titanbridge, um aparelho usado no tratamento de desordens vocais comercializado pela Nobelpharma de Tóquio, foi aprovado através do processo.

De acordo com as recentes estatísticas do ministério da saúde, o número estimado de pacientes que passou por hospitais e clínicas na semana até 18 de fevereiro foi de 1,67 milhão, nível que ainda é alto apesar de ter sofrido uma redução do pico semanal de 2,83 milhões registrado em meados de janeiro.

Fonte: Nikkei
Imagem: Bank Image

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância