Cristiano Ronaldo assume fraude fiscal e paga multa de 21,6 milhões de dólares

Ele aceitou pagar a multa milionária que inclui o imposto que ele não pagou mais juros.

Cristiano Ronaldo saindo do tribunal com sua namorada Georgiana Rodríguez na terça-feira (NHK)

O jogador de futebol português Cristiano Ronaldo concordou em pagar uma multa de cerca de 18,8 milhões de euros (21,6 milhões de dólares) para evitar uma condenação de 23 meses de prisão por fraude fiscal.

Publicidade

Ronaldo se declarou culpado por fraude fiscal em um tribunal em Madri, na Espanha, na terça-feira (22). Ele aceitou pagar a multa milionária que inclui o imposto que ele não pagou mais juros.

A promotoria espanhola havia acusado o ex-atacante do Real Madrid de evadir 14,7 milhões de euros (16,7 milhões de dólares), em impostos entre 2011 e 2014 ao subnotificar seus faturamentos com direitos de imagem.

Ronaldo continuará jogando pelo clube italiano Juventus.

Fonte: NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Subaru com produção parada em Gunma

Publicado em 23 de janeiro de 2019, em Economia

A montadora Subaru está com a produção suspensa em sua planta de Gunma. Veja os motivos.

Fachada da Gunma Manufacturing, da Subaru (Asahi)

A única planta de veículos acabados da montadora Subaru, a Gunma Manufacturing, em Ota, está com a produção suspensa desde a noite de 16 deste mês.

Publicidade

Segundo a imprensa, ainda não há previsão de retorno da produção na planta que fabrica 9 modelos da montadora.

Foi encontrado um problema nas peças fornecidas por um outro fabricante. Ainda não foi encontrada a causa do problema e o fornecimento está parado. Isso já afetou a produção de mais de 10 mil unidades de veículos.

A montadora prevê atrasos na entrega de novos veículos encomendados pelos clientes.

Segundo o jornal Asahi o problema foi detectado na direção assistida elétrica, motor que ajuda na operação do volante. A montadora está com dificuldade de encontrar substitutos que atendam ao padrão de desempenho da própria Subaru imediatamente.

A empresa já informou que na quinta-feira a produção continua suspensa. E, sem perspectiva da retomada, apesar de ter como plano reiniciar em 28 da próxima semana.

A previsão de 1,03 milhão de unidades para 2019 deverá ficar comprometida, pois a planta de Gunma produziria 650 mil. Se a suspensão se prolongar o desempenho da montadora deverá ser afetado.

Nenhuma das fontes consultadas explicou sobre os funcionários e trabalhadores. Há cerca de 400 trabalhadores brasileiros na indústria.

Fontes: Mainichi, Asahi e FNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!