Homem é preso por jogar cartazes antiolimpíadas de trem em Nagoia

Ele teria jogado vários cartazes do vagão do metrô na linha Tsurumai de Nagoia horas antes da cerimônia de abertura das Olimpíadas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Metrô na linha Tsurumai em Nagoia (Wikimedia)

Um homem de 59 anos foi preso após espalhar cartazes, protestando contra as Olimpíadas de Tóquio, da janela de um metrô em movimento na cidade de Nagoia (Aichi), no domingo (25).

Publicidade

A prisão pela suspeita de obstrução forçada de negócios ocorreu quando parte do público japonês se opõe à realização dos Jogos em meio à pandemia de coronavírus.

Yuji Usui teria jogado vários cartazes da janela do vagão do metrô na linha Tsurumai de Nagoia nos trilhos por volta das 11h15 de sexta-feira (23), horas antes da cerimônia de abertura das Olimpíadas em Tóquio, de acordo com a polícia. O incidente não interrompeu os serviços de trem.

Usui, que foi detido por um oficial da polícia que estava no mesmo vagão, admitiu o ato.

Cartazes também foram encontrados perto de estações do metrô em outros incidentes e a polícia disse que está investigando se Usui estava envolvido.

Fonte: Japan Today

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Japão começa a aceitar solicitações para ‘passaportes de vacinação’

Publicado em 26 de julho de 2021, em Sociedade

Os certificados são registros oficiais emitidos por municípios locais mostrando que uma pessoa foi inoculada contra a Covid-19.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Certificado de registro de vacinação contra coronavírus (ilustrativa/banco de imagens)

O Japão começou a aceitar nesta segunda-feira (26) solicitações para os chamados passaportes de vacinação destinados a pessoas que foram inoculadas completamente contra a Covid-19, para que elas viagem ao exterior, enquanto lobbies de negócios no país pedem sua introdução a fim de facilitar as atividade de negócios.

Publicidade

Até agora, Itália, Áustria, Turquia, Bulgária e Polônia concordaram em facilitar regras de quarentena para portadores dos certificados japoneses, enquanto a Coreia do Sul também os aceitará como um dos documentos necessários em isentar portadores de exigências de isolamento, de acordo com o governo japonês.

A Estônia também concordou em aceitar o certificado, embora ela atualmente não imponha quarentena independentemente se a pessoa foi vacinada ou não. O governo japonês está agora negociando com outros países para expandir o uso de seus passaportes vacinais.

Emissão gratuita

Contudo, o principal porta-voz do governo também pediu às pessoas que evitem solicitar o passaporte vacinal a menos que tenham planos de viajar ao exterior a fim de prevenir um fluxo muito grande de pedidos.

Os certificados serão registros oficiais emitidos gratuitamente por municípios locais mostrando que uma pessoa foi completamente inoculada contra a Covid-19, com informações como nome, número do passaporte e data de vacinação incluídas.

As pessoas que desejam obtê-lo devem apresentar os documentos pessoalmente ou via email, incluindo o formulário  de solicitação, passaporte e tickets de vacinação.

O formulário de solicitação e o certificado, atualmente, se restringem a papel, mas o governo japonês está buscando eventualmente introduzir aplicação e emissão digital .

Keidanren propõe que os certificados também sejam usados para outros fins

O maior lobby de negócios do país, o Keidanren, propôs que os certificados também sejam usados para aumentar o limite de capacidade em eventos e para descontos em restaurantes no Japão.

Mas teme-se que tal uso aumente a carga sobre governos locais, os quais processam as solicitações, levando à discriminação contra pessoas que não foram vacinadas.

Mesmo assim, alguns restaurantes e hotéis no Japão já estão oferecendo descontos às pessoas que apresentarem seus registros de vacinação.

Fonte: Mainichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência