Tarifas de energia elétrica no Japão devem atingir o nível mais alto em 5 anos

Fornecedoras de energia vêm enfrentando altos preços de combustível e estão sendo forçadas a repassar os custos para os consumidores.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Contas de energia elétrica no Japão devem aumentar para o nível mais alto em pelo menos 5 anos com caras importações de combustível, alimentando ainda mais o medo de inflação no consumidor.

Publicidade

Fornecedoras de energia em todo o mundo vêm enfrentando altos preços de combustível em meio a uma escassez global, e estão agora sendo forçadas a repassar os custos para os consumidores.

Nove das instalações regionais do Japão aumentarão as tarifas de energia elétrica em março para o nível mais alto em 5 anos, divulgou a NHK na sexta-feira (28).

Uma instalação manterá as tarifas inalteradas, visto que ela atingiu seu limite para custos repassados aos consumidores, de acordo com a NHK.

A conta média de energia elétrica de uma residência em Tóquio deve ser de ¥8.244 em março, alta de cerca de 30% em comparação há 1 ano e o valor mais alto em dados disponíveis até junho de 2016, de acordo com a Tokyo Electric Power Company.

As tarifas da Kansai Electric Power e da Chugoku Electric Power atingirão o limite máximo. A Chubu Electric aumentará seus preços para uma residência padrão em ¥292, para ¥7.949, o aumento mais acentuado entre as nove fornecedoras de energia.

Quatro principais fornecedoras de gás no país – A Tokyo Gas, a Osaka Gas, a Toho Gas e a Saibu Gas, aumentarão tarifas em março.

Fonte: Japan Times

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Coreia do Norte lançou míssil balístico neste domingo

Publicado em 30 de janeiro de 2022, em Ásia

Esse foi o 7º míssil de uma rodada de lançamentos feitos pela Coreia do Norte neste mês, disse o governo japonês.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Coreia do Norte pode ter disparado mais um míssil neste domingo, 30 de janeiro, em direção ao Mar do Japão (NHK)

A Coreia do Norte disparou um míssil balístico neste domingo (30), o 7º de uma rodada de lançamentos feitos pelo país neste mês, disse o governo japonês.

Publicidade

O míssil viajou 800km na direção leste, alcançando uma altitude máxima de cerca de 2.000Km, disse o secretário-chefe do Gabinete, Hirokazu Matsuno.

Aparentemente, o míssil caiu fora da Zona Econômica Exclusiva do Japão – ZEE, disse Matsuno em uma coletiva de imprensa.

O exército sul-coreano também confirmou o lançamento do que ele descreveu ser um míssil balístico suspeito em direção ao Mar do Japão.

O míssil foi disparado por volta das 7h52 da província de Jagang, segundo o exército da Coreia do Sul.

Um funcionário do governo japonês disse que não houve relatos imediatos de danos a embarcações e aeronaves na área.

Fonte: News and Culture, NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância