Domingo: 8,2 mil testam positivo

O total de domingo não foi muito diferente de sábado, com infecção explosiva em Aichi, Hiroshima, Okinawa e regiões de Kanto e Kinki.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

SARS-CoV-2 (CDC)

No domingo (9), o total do Japão foi de 8.249 testados positivo para o coronavírus nas 47 províncias e aeroportos, ficando no mesmo patamar de sábado.

Publicidade

Novamente, Tóquio e Okinawa tiveram 4 dígitos, mas o aumento foi nas demais províncias de Kanto, Aichi, Osaka e vizinhas, e Hiroshima. 

Na região Kanto foram 41 em Tochigi, 75 em Ibaraki, 87 em Gunma, 252 em Chiba, 401 em Saitama e 443 em Chiba.

Foram 117 em Hokkaido, 86 em Niigata, 18 em Ishikawa, 12 em Toyama, 27 em Fukui, 110 em Nagano e 19 em Yamanashi.

Na região Kinki foram 92 em Shiga, 202 em Hyogo, 215 em Quioto e 880 em Osaka.

Foram 80 em Okayama, 35 em Shimane, 211 em Fukuoka, 108 em Kagoshima, 619 em Hiroshima, 152 em Yamaguchi e 1.533 em Okinawa.

Na região Tokai foram 42 em Mie, 46 em Gifu, 146 em Shizuoka e 368 em Aichi, sendo 134 em Nagoia.

Outros dados

O dia teve 1 óbito, em Osaka.

O total de pacientes em tratamento aumentou para 33.351, sendo que desses, 90 estão em estado grave. 

Em contrapartida, 1.714.171 pessoas se recuperaram.

Na quinta-feira (6) foram realizados 49.505 testes PCR.

Dados por província, de domingo (NHK)

Fontes: News Digest e NHK 

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Mulher isolou filho de 13 anos com covid-19 no porta-malas do carro

Publicado em 9 de janeiro de 2022, em Notícias do Mundo

A mulher disse que fez isso para se proteger da exposição ao vírus quando ela dirigia para um local de teste, nos EUA.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Uma professora nos EUA poderá ser presa após ter “trancado” seu filho com covid-19 no porta-malas de um carro para se proteger da exposição ao vírus quando ela dirigia para um local de teste, disse a mídia local.

Publicidade

Sarah Beam, de 41 anos, teria sido acusada de colocar em risco a vida de uma criança.

Uma pessoa chamou a polícia após ouvir alguém falando no porta-malas do veículo em 3 de janeiro no local no Condado de Harris, no Texas, de acordo com a click2Houston.com.

A mulher abriu o porta-malas e mostrou que o filho estava lá dentro.

Beam disse que seu filho de 13 anos havia testado positivo para covid-19 e que ela estava o levando ao local no Estádio Pridgeon para fazer um outro teste e confirmar o resultado, de acordo com a mídia local.

Ela teria colocado o menino no porta-malas porque não queria se infectar.

Um profissional da saúde disse à ela que nenhum teste seria feito até que o menino se sentasse no banco de trás de carro, disse a afiliada da ABC, a KTRK-TV.

Beam trabalha como professora do ensino médio desde 2011, mas agora está sob licença administrativa, de acordo com a mídia local.

“Uma investigação completa foi conduzida, resultando em um mandado para prisão. Felizmente, a criança não ficou ferida”, disse a polícia.

Fonte: BBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades