Subvariante BA.5 prolifera 18 vezes mais nos pulmões do que a BA.2

Esse resultado recente acende um alerta para a população, pois essa subvariante pode agravar o estado do paciente.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem meramente ilustrativa do coronavírus (Public Domain Pictures)

A equipe de pesquisa do Instituto de Ciências Médicas da Universidade de Tóquio, liderada pelo professor Kei Sato, realizou uma pesquisa usando células de pulmões humanos para verificar a proliferação da subvariante BA.5 do coronavírus.

Publicidade

O resultado foi de 18,3 vezes mais do que a subvariante BA.2 da ômicron, a que estava causando infecção no país e foi substituída pela BA.5.

A equipe descobriu que essa subvariante pode proliferar facilmente nos pulmões, enquanto que as outras subvariantes da ômicron aumentavam nas traqueias, por isso não agravava a doença nos pacientes. 

“A BA.5 tem uma mutação característica chamada L452R que a cepa Delta tinha. A variante ômicron adquiriu as características que a Delta possui, com a facilidade de se proliferar nos pulmões”, explicou o professor Sato.

No experimento realizado com os hamsters também se observou o aumento nos pulmões

“Por ser um experimento com animais que não têm imunidade, não sei se a mesma coisa acontecerá em humanos”, mas “pode ​​ser altamente patogênico, além da infectividade“, explicou o pesquisador.

Como a subvariante BA.5 vem substituindo as anteriores e o número de novos casos diários tem aumentado na última semana, é preciso reforçar os cuidados preventivos.

Fonte: ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Índia pode ultrapassar a China como o país mais populoso do mundo

Publicado em 12 de julho de 2022, em Ásia

O relatório das Nações Unidas estima que a população mundial chegará a 8 bilhões em novembro deste ano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Pessoas no Forte de Amber em Jaipur, na Índia (banco de imagens)

As Nações Unidas disseram que a Índia provavelmente ultrapassará a China como o país mais populoso do mundo em 2023.

Publicidade

Na segunda-feira (11), as Nações Unidas divulgaram um relatório dizendo que a China é o país mais populoso do mundo neste ano, com 1.426 bilhão de pessoas, seguida pela Índia com 1.412 bilhão.

O relatório projeta que a população da Índia vai ultrapassar a da China em 2023 e continuará a crescer nos anos que virão.

Ele diz ainda que em 2050 a Índia deverá ter uma população estimada de mais de 1.66 bilhão e a China ficará bem atrás com cerca de 1.31 bilhão.

O governo indiano implementou uma política para diminuir o rápido crescimento populacional.

Contudo, as Nações Unidas atribuem o crescimento populacional ao declínio da taxa de mortalidade infantil no país, como reportado pelo Banco Mundial.

A China iniciou uma política de filho único em 1980, resultando em uma taxa de nascimentos em declínio e uma crescente proporção de população idosa.

O relatório das Nações Unidas estima que a população mundial chegará a 8 bilhões em novembro deste ano, e que ela atingirá 9.7 bilhões em 2050.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência