Fazer cocô a cada 3 dias ou mais dias está ligado a declínio cognitivo, revela pesquisa

A função cognitiva se refere à capacidade mental de uma pessoa para aprender, pensar, resolver problemas, tomar decisões, se lembrar e prestar atenção.

Cerca de 16% da população adulta do mundo têm constipação (ilustrativa/banco de imagens)

Na primeira pesquisa para investigar o impacto da constipação sobre o envelhecimento cerebral, cientistas descobriram algumas ligações preocupantes.

Publicidade

Estando cronicamente constipado, definido pelos autores como ter movimento intestinal apenas a cada 3 dias ou mais, foi ligado a um risco maior de 73% de declínio cognitivo subjetivo, de acordo com pesquisa apresentada na quarta-feira (19) na Conferência Internacional da Associação de Alzheimer em Amsterdã, na Holanda.

“Nosso estudo ofereceu primeira evidência desse tipo que examinou um espectro amplo de frequência de movimento intestinal”, disse Chaoran Ma, primeira autora da pesquisa e professora assistente no departamento de nutrição na Universidade de Massachusetts Amherst, via email.

“Ficamos surpresos em quão forte foram as associações, especificamente para aqueles com movimentos intestinais muito infrequentes”.

Cerca de 16% da população adulta do mundo têm constipação, mas é ainda mais comum entre os mais velhos devido a fatores relacionados à idade como falta de exercícios e fibra dietética, e o uso de medicamentos que podem causar constipação como efeito colateral.

Constipação crônica foi ligada à inflamação e desordens mentais como ansiedade e depressão, mas houve muitas questões não respondidas sobre a relação entre a saúde digestiva e função cognitiva a longo prazo, de acordo com um comunicado de imprensa.

A função cognitiva se refere à capacidade mental de uma pessoa para aprender, pensar, resolver problemas, tomar decisões, se lembrar e prestar atenção.

Para encontrar pistas para essas perguntas, os autores avaliaram mais de 112 mil adultos que haviam participado no Estudo de Saúde de Profissionais da Enfermagem e Estudo II de Saúde de Profissionais de Enfermagem e no Estudo de Seguimento de Profissionais da Saúde.

Os primeiros dois estudos investigaram fatores de risco para principais doenças crônicas entre mulheres na América do Norte, enquanto o último está investigando os mesmos tópicos, mas para homens.

Os autores do mais recente estudo coletaram dados da frequência de movimento intestinal de participantes de 2012 a 2013, da autoavaliação de função cognitiva de participantes entre 2014 e 2017 e detalhes de função cognitiva de alguns participantes medida objetivamente entre 2014 e 2018.

Comparados com pessoas que evacuavam uma vez ao dia, participantes constipados tiveram cognição significantemente pior equivalente a 3 anos ou mais de envelhecimento cognitivo cronológico, descobriram os autores.

Fonte: CNN

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Brasileiros presos por contrabando de drogas do Brasil

Publicado em 20 de julho de 2023, em Crime

Os dois jovens brasileiros da mesma idade teriam feito o contrabando do país de origem.

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!