Sífilis: número de casos em nível recorde pelo 3º ano consecutivo no Japão

Mesmo se os sintomas pareçam leves, a sífilis não tratada pode causar complicações graves, particularmente as que afetam o cérebro ou coração.

A sífilis é uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Treponema pallidum (ilustrativa/banco de imagens)

Uma epidemia de sífilis é uma grande preocupação no Japão, com o número de casos reportados em 2023 alcançando uma alta recorde pelo terceiro ano consecutivo em uma base preliminar.

Publicidade

Além disso, o número de casos congênitos de sífilis, que resultaram de transmissão de bactérias de gestantes para seus fetos através da placenta, alcançou a maior alta de todos os tempos.

A sífilis é uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Treponema pallidum.

Transmitida primariamente através de relação sexual, a infecção pode resultar na formação de caroços ou feridas nos genitais ou na boca, acompanhada por gânglios linfáticos inchados e erupções cutâneas que se espalham pelo corpo. O diagnóstico da infecção envolve testes sanguíneos.

Sífilis não tratada pode causar complicações graves

Mesmo se os sintomas pareçam leves, a sífilis não tratada pode causar complicações graves, particularmente as que afetam o cérebro ou coração. Além disso, a doença também pode ser transmitida por indivíduos infectados que não apresentam sintomas.

Enquanto o uso de camisinha é eficaz para prevenção, ela não garante proteção completa, e indivíduos podem ser reinfectados mesmo após recuperação. Tratamento precoce com penicilina é eficaz e pode curar a doença completamente.

“A sífilis pode ser curada rapidamente se detectada prontamente”, disse um especialista.

Tendência predominantemente em áreas urbanas

De acordo com o Instituto Nacional de Doenças Infecciosas (NIID), o número reportado de casos de sífilis em 2022 totalizou 13.228, ultrapassando 10 mil pela primeira vez desde 1999, quando o atual método de pesquisa foi usado. Em 2023, casos reportados aumentaram para 14.906.

Uma divisão por províncias mostra que Tóquio registrou o número mais alto, com 3.658, seguida por Osaka a 1.967, Fukuoka com 939, Aichi com 817 e Hokkaido com 677. Essas estatísticas revelam a tendência em curso de casos ocorrendo predominantemente em áreas urbanas.

Por idade, a predominância é notavelmente alta entre homens na faixa dos 20 aos 50 anos e mulheres na faixa dos 20.

Razões para o aumento

Enquanto as razões precisas para o aumento no número de casos reportados continuem incertas, especialistas identificaram vários fatores contribuintes em potencial.

Essas incluem promiscuidade aumentada ligadas a encontros com muitas pessoas através da mídia social, assim como a utilização de negócios relacionados a sexo.

Além disso, há muitos diagnósticos errados feitos por médicos com experiência limitada em tratar a doença.

Fonte: Japan Times

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Hotéis no Japão revelam luxo para cães com suítes especiais

Publicado em 26 de fevereiro de 2024, em Artigos de Turismo

No Hiramatsu Karuizawa Miyota, localizado na cidade turística de alta escala de Karuizawa (Nagano) situado nas montanhas, hóspedes podem ficar com seus cães em uma das duas villas especiais do local.

As villas de cães contam com as mesmas mobílias de alta gama daquelas de hóspedes regulares (ilustrativa/banco de imagens)

Mais hotéis no Japão estão lançando suítes especiais para hóspedes que buscam luxo enquanto viajam com seus cães, explorando um nicho anteriormente carente.

Publicidade

No Hiramatsu Karuizawa Miyota, localizado na cidade turística de alta escala de Karuizawa (Nagano) situado nas montanhas, hóspedes podem ficar com seus cães em uma das duas villas especiais do local.

“A villa de cães ajudou a aumentar o perfil do hotel, tornando-a nossa instalação de mais sucesso”, disse Kaoru Uesugi, alta executiva na companhia que opera o hotel, a Hiramatsu.

As villas de cães contam com as mesmas mobílias de alta gama daquelas de hóspedes regulares. Assoalhos que não escorregam e sofás com coberturas à prova d’água são as únicas coisas que as diferenciam.

Um pernoite com duas refeições no hotel custa de ¥120 mil a ¥210 mil (US$797 a US$1,4 mil) por pessoa e uma porção considerável de hóspedes acaba gastando ¥1 milhão ou mais em estadas longas.

No ano passado, havia cerca de 6,8 milhões de cães como animais de estimação no país, queda de 2022, de acordo com a Associação de Comidas para Pets do Japão.

Apesar de uma diminuição estável nos números, gastos com cães aumentaram com o tempo. Comidas saudáveis, suplementos e salões de beleza para cães estão se tornando populares.

Fonte: Asia Nikkei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!