Robô mata trabalhador em fábrica na Tailândia

O incidente angustiante revelado na fábrica Vandapac na província de Chonburi ocorreu em 27 de março.

O incidente na Tailândia ocorre apenas meses após um outro na Coreia do Sul em que um braço robótico matou um trabalhador (ilustrativa/banco de imagens)

Imagens de vídeo que capturaram o momento trágico em que um braço robótico esmagou fatalmente um trabalhador de uma fábrica na Tailândia foram divulgadas em 28 de março.

Publicidade

O incidente angustiante revelado na fábrica Vandapac na província de Chonburi ocorreu em 27 de março.

O trabalhador parecia estar organizando material quando o braço robótico se movimentou vigorosamente e o prendeu contra uma bancada.

Imagens de câmeras de circuito fechado (CCTV) mostram como a vítima ficou incapacitada sob o dispositivo de metal enquanto um colega de trabalho continuava a trabalhar no espaço, aparentemente alheio à catástrofe que ocorria atrás dele.

Equipes de emergência intervieram rapidamente após o alarme ter sido eventualmente acionado, soltando o homem. Ele recebeu os primeiros socorros e foi levado para o Hospital Chonburi.

Contudo sua morte foi pronunciada na chegada devido ao grande trauma.

Autoridades na fábrica afirmaram que o braço robótico estava operando dentro de parâmetros normais e atribuiu o acidente à má avaliação do funcionário.

Eles sugeriram que o trabalhador tinha consciência das capacidades do braço robótico e fez a manipulação por baixo dele. As autoridades da fábrica se recusaram a assumir responsabilidade pelo incidente.

Expressando mínimos detalhes, um gerente disse à mídia local: “Não estamos fornecendo mais nenhuma informação”.

“Os funcionários aceitam responsabilidade por qualquer acidente que acontece enquanto eles estão trabalhando”.

A Vandapac, uma fabricante estabilizada especializada em produtos plásticos para várias indústrias, tem operações que abrangem décadas e emprega mais de 1,8 mil funcionários em suas instalações na província de Samut Prakan e no Chonburi Industrial Estate na cidade de Amata.

O incidente na Tailândia ocorre apenas meses após um outro na Coreia do Sul em que um braço robótico matou um trabalhador porque falhou em diferenciá-lo de uma caixa de vegetais.

Fonte: Daily Mail

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Assaltantes quebram vitrines e furtam bolsas e relógios de marca

Publicado em 2 de abril de 2024, em Crime

Durante o horário de expediente, dois assaltantes invadem a loja e quebram as vitrines com martelo, para subtrair diversos itens de marca.

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!