Casio cortará empregos globalmente

A redução de empregos afetará todos os segmentos de negócios em companhias do grupo domésticas e no exterior.

O corte na folha de pagamento deve reduzir os custos fixos da companhia em cerca de ¥5 bilhões no ano fiscal de 2025 (banco de imagens)

A Casio Computer do Japão anunciou um plano para cortar cerca de 500 empregos globalmente, ou 5% da força de trabalho do grupo, devido ao seu desempenho de negócios em deterioração.

Publicidade

A desaceleração econômica da China e uma longa queda do mercado de pianos elétricos causaram a deterioração, de acordo com o anúncio na terça-feira (14).

O corte na folha de pagamento deve reduzir os custos fixos da companhia em cerca de ¥5 bilhões no ano fiscal de 2025.

A redução de empregos afetará todos os segmentos de negócios em companhias do grupo domésticas e no exterior, com cerca de 80% dos 500 empregos provavelmente a serem eliminados no Japão e os 20% restantes no exterior.

A Casio decidirá detalhes sobre o corte de empregos, como as idades dos funcionários alvos e datas de encerramento, posteriormente. Ela espera implementar a redução até o fim do ano fiscal de 2024.

Fonte: Arab News

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Seven-Eleven Japan marca 50 anos de operações

Publicado em 15 de maio de 2024, em Sociedade

A rede introduziu sua primeira loja na área de Toyosu em Tóquio no ano de 1974.

O presidente da companhia disse que a rede visa avançar ainda mais o conceito de conveniência (banco de imagens)

Esta quarta-feira marca 50 anos desde quando a Seven-Eleven Japan abriu sua primeira loja de conveniência.

Publicidade

A Seven-Eleven Japan é a primeira rede de lojas de conveniência plena do país que emprega um sistema de franquia.

A rede introduziu sua primeira loja na área de Toyosu em Tóquio no ano de 1974.

O presidente da companhia, Fumihiko Nagamatsu, disse que a rede visa avançar ainda mais o conceito de conveniência.

“Acreditamos que é importante criar lojas que podem atender a todas as necessidades de pessoas que vivem perto, dadas as drásticas mudanças sociais”, disse Nagamatsu.

O presidente apontou que a Seven-Eleven Japan planeja abrir mais estabelecimentos similares a supermercados com seleções mais amplas de itens, como comida fresca e produtos para bebês, para melhor capturar demanda face a uma população em encolhimento.

Um grupo na indústria diz que o número de lojas conveniência a nível nacional situou-se em sua maioria estável nos últimos anos a um pouco menos de 55 mil.

Alguns observadores apontam que o mercado está saturado.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - promoção Torcida BB!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!