O que fica mais caro e mais barato a partir de 1.º de outubro

Publicado em 30 de setembro de 2020, em Economia

Para quem é fumante vai ter que amargar mais um aumento de preços. Outros também sobem mas tem uma tarifa que fica um pouco mais em conta.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

À esq. cerveja (PxHere) e à dir. campanha Go To Eat (Hot Pepper)

Em 1.º de outubro novos preços passam a ser praticados. Um dos produtos que têm aumento de preços são os cigarros, afetando o bolso de cerca de 26 milhões de consumidores.

Publicidade

Os fabricantes como JT-Japan Tobacco Industry, FM-Philip Morris e BATJ-British American Tobacco Japan decidiram aumentar o preço de cada marca em 10 a 100 ienes. A FM tem aumento de 20 a 50 ienes, enquanto os aumentos dos cigarros da BATJ ficam na faixa dos 10 aos 60.  

Como a cada aumento milhares deixam de ser fumantes, a Dime realizou uma pesquisa na semana anterior e apurou que mais da metade vai continuar com o vício.

Bebidas alcoólicas

O que muda é a taxação de impostos impactando no preço final para o consumidor. O imposto sobre cerveja de 350ml era de 77 ienes e, com a queda, passa a ser de 70, portanto 7 ienes mais em conta.

A bebida do tipo happoshu (発泡酒), na verdade parecida com a cerveja com menos malte (25% a 50%), tinha taxação de 62, caindo para 58, portanto, passa a ser 4 ienes mais barata. A que tem bem menos malte, até 25%, não sofre alteração.

Já a que tem classificação fiscal chamada de daisan-no-beer (第三のビール), não classificada como cerveja, tinha taxação de 28 e passa a 38 ienes, portanto, ¥10 mais cara. 

O vinho passa a custar ¥3,5 a mais enquanto os saquês ¥3,5 a menos, igualmente por causa da taxa de imposto.

O que mais fica barato

A estatal NHK, cuja tarifa deve ser paga obrigatoriamente pelos residentes, fica mais em conta. Para quem tem contrato para os canais normais irá pagar ¥35 a menos por mês. Se paga o combo normal e transmissão por satélite economizará 60 ienes por mês.

Para quem gosta de comer e beber fora poderá aproveitar a campanha governamental Go To Eat para jantar e almoçar mais barato.

Para isso, é preciso fazer reserva pelas empresas do tipo Gurunavi, Hot Pepper e outras para obtenção de pontos para usar como desconto nas próximas. Os cupons podem ser de ¥500 para o almoço e ¥1.000 para o jantar, para uma pessoa. Se for em grupo os valores aumentam.

Fontes: BCNR, Dime, NHK e NNN

Poderia avaliar este conteúdo?

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!
Palavras-chave neste artigo

Vamos Comentar?

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão
Info para brasileiros de Mie-ken