Jogador de Mianmar se recusou a voltar, pediu proteção e deu entrada no visto de refugiado

Publicado em 11 de agosto de 2021, em Sociedade

Um jogador da seleção de Mianmar se recusou a retornar ao seu país depois do jogo das Eliminatórias Asiáticas e pediu proteção.

&nbspJogador de Mianmar se recusou a voltar, pediu proteção e deu entrada no visto de refugiado
À dir. o jogador da seleção de Mianmar, ao lado de uma pessoa que o apoiou na Imigração de Osaka (Osaka TV)

Segundo fontes do jornal Yomiuri, o jogador de futebol, da seleção de Mianmar, ピエ・リヤン・アウン, 27 anos, pediu proteção no KIX-Aeroporto Internacional de Kansai, em Osaka, no dia 16 de junho, quando deveria retornar ao seu país. 

Publicidade

Ele veio ao Japão como integrante da seleção para as Eliminatórias Asiáticas da Copa do Mundo. Em 28 de maio, ao cantar o Hino Nacional, antes da partida contra o Japão, ele ergueu os 3 dedos, o símbolo de protesto contra a monarquia, inicialmente, e depois contra o golpe militar em fevereiro deste ano.  

Ao pedir proteção teria dito “se retornar seria uma ameaça à minha vida”. Por isso, no dia 22 de junho deu entrada no pedido de visto de refugiado no Departamento de Imigração de Osaka. Inicialmente, obteve um visto de permanência de 6 meses, podendo trabalhar.

Visto de refugiado e a situação de Mianmar

O sistema de determinação da condição de refugiado permite que estrangeiros que podem ser perseguidos em seu país por causa da raça, religião ou questão política, morem no Japão.

Em Mianmar, a repressão aos cidadãos que se opõem às forças armadas continua, e acredita-se que as autoridades de imigração tenham decidido conceder-lhe o visto de refugiado considerando que seria perseguido em seu país por ter mostrado o símbolo dos 3 dedos. 

O golpe de estado ocorreu em fevereiro deste ano. A partir do final de maio, o governo do Japão decidiu conceder o status de atividades específicas aos residentes de Mianmar que manifestem desejo de permanência, mesmo após o término do período de trabalho. Depois examinará o pedido de status de refugiado.

O caso desse jogador foi o primeiro de Mianmar a ser reconhecido como refugiado desde o início dessa medida do governo.  

Fontes: Yomiuri e TV Osaka

Neste Artigo:

Vamos comentar?


.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão