Como usar corretamente o ‘kairo’ e dicas poderosas

O aquecedor descartável do Japão, ‘kairo’ é muito útil no inverno e tem outros tipos para alívio das dores no pescoço e ombros.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Kairo de diversos tamanhos são uma salvação nos dias gelados (PM e PxHere)

Nos dias de frio um kairo (カイロ) dentro do bolso do casaco ou aqueles de colocar dentro dos calçados ajudam muito. São como aquecedores pontuais e descartáveis, criados no Japão.

Publicidade

A história é antiga, datada da era Edo, e veio evoluindo. Os que a sociedade conhece são os criados na década de 70.

Kairo é feito de que?

Todo mundo sabe que se o ferro ficar exposto à água enferruja. Quando começa a enferrujar começa a liberação de calor, mas em geral não se percebe porque ocorre lentamente.

O processo do kairo é meio parecido. Ocorre com a oxidação do ferro. Segundo um dos fabricantes – Kiribai – o ferro reage com o oxigênio do ar para formar óxido de ferro ou hidróxido férrico.

Os aquecedores descartáveis utilizam o calor gerado dessa reação química.

É composto de pó de ferro, água, vermiculita, carvão ativado e embrulhado com um tecido especial. Esse tem microporos para controlar a quantidade de permeação de ar. Depois ainda recebe um acabamento com filme especial para o produto.

Como identificar a temperatura do kairo

Para evitar o risco de queimadura pelo usuário todos os pacotes precisam informar a temperatura máxima que os produtos alcançam. É a temperatura mais alta obtida processando estatisticamente a temperatura máxima do aquecedor do corpo para informar ao usuário o risco de queimaduras.

Em geral são produzidos para manterem temperatura média de 40ºC. É preciso observar também quanto tempo podem aquecer o usuário.

Como usá-los corretamente

Uma pergunta frequente é se é preciso esfregá-lo bastante para começar a esquentar. A fabricante recomenda que, depois de retirá-lo do invólucro, basta sacudi-lo várias vezes. Não há necessidade de esfregá-lo.

Outro detalhe é para o kairo com adesivo, de colar na roupa ou nas meias. É recomendável não esfregá-lo porque o conteúdo poderá acabar ficando mais concentrado de um lado só.

A gestante deve perguntar ao médico se pode usar o kairo nos bolsos e nas meias, assim como os diabéticos.

Quando não usar

Alerta para jamais colar o adesivo voltado para roupas e meias diretamente na pele por causa do risco de queimaduras, com bolha. Há os específicos para tirar dores, os quais são casos à parte.

Se perceber que está quente demais, é melhor deixar de usá-lo, principalmente as pessoas com pele sensível.

Não se deve usar sob os cobertores e futons, porque a tendência é da temperatura ficar alta demais.

Detalhe importante para quem leva marmita: a temperatura exotérmica do kairo é uma adequada para a multiplicação de bactérias. Por isso, jamais use para isolamento térmico da marmita.

Tipos de kairo

Os mais comuns são os pacotes que podem ser colocados dentro dos bolsos dos casacos. Aquecem as mãos e proporcionam conforto no inverno.

Diversos tipos no Japão

Os adequados para serem colocados nos calçados, são próprios para isso. Ou seja, são fabricados de forma que mesmo sem contato com o ar (oxigênio) possam se manter quentinhos. Por isso, use cada um de acordo com sua finalidade.

O inverso, no caso de colar um para meias no casaco ou sobre a roupa interna. Como foi projetado para pouco oxigênio, se receber mais pode aumentar demais a temperatura. Por isso não se recomenda fazer isso.

Kairo para fins específicos

Há kairo especial para os casos de cervicalgia (dor no pescoço), cuja temperatura chega a 44ºC e dura cerca de 6 horas.

Para quem amarga o problema da cervicobraquialgia (dor no pescoço que pode irradiar até a mão, passando pelo ombro, braço e antebraço), pode usar o que aquece até 52ºC. Dura até 8 horas. A dor lombar pode ser aliviada com o kairo que aquece à temperatura de 48ºC, por até 18 horas. Tem também para dores nos joelhos cuja temperatura chega a 42ºC, por cerca de 6 horas.

A recomendação é sempre usar sobre a roupa e procurar o médico ou terapeuta para ver qual é o problema que causa essas dores.

Sabedoria para dar um basta no frio

Para quem sente muito frio, a fabricante Kincho dá orientações da sabedoria ancestral para colar o kairo sobre a roupa, em pontos estratégicos.

Pescoço: Na parte traseira há um vaso sanguíneo espesso, por isso, aquecendo esse ponto o corpo todo se aquece de forma eficiente. Para descobrir esse ponto, dobre a cabeça para a frente. É onde a coluna fica acentuada na parte de trás.

 

Costas: nessa região há dois grandes músculos chamados de trapézio. Quando se esfriam o fluxo sanguíneo fica ruim e os músculos ficam rígidos. Por isso, basta colar 2 adesivos sobre a roupa para aquecer essas áreas, onde há também pontos da acupuntura.

 

Abdômen: quando a pessoa está com frio tem um ponto da medicina chinesa que fica dois dedos abaixo do umbigo. Por isso aquecer essa área vai deixar a pessoa mais confortável. Cole sobre uma camiseta.

 

Lombar: os quadris sentem quando a pessoa está com o corpo frio. Por isso, aqueça a região do sacro e vai se sentir melhor, com o corpo mais aquecido. Pode colar o kairo sobre a roupa íntima.

 

Pés: quem sente frio nos pés pode usar o kairo para a ponta das meias. Isso já irá ajudar, mas tem mais um local que é a parte que fica entre a área interna do tornozelo e o tendão de Aquiles. Cole os adesivos sobre as meias.

 

Como descartar o kairo

Espere esfriar para o descarte. Cada cidade tem uma regra, mas em geral pode ser colocado na categoria de lixo que não será incinerado. Mas a embalagem plástica deve ser descartada no lixo de plásticos, ou de reciclagem.

Se gostou da matéria compartilhe. Pode ser útil para seus amigos.

Leia outras dicas especiais tocando aqui.

Fontes e fotos: Kincho e Kiribai

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Curso de turismo e atendimento ao cliente em Hamamatsu

Publicado em 7 de janeiro de 2019, em Tome Nota

Vagas para o curso de turismo e atendimento ao cliente estão sendo abertas pelo Governo Provincial juntamente com o Colégio Técnico de Hamamatsu. Veja os detalhes.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Curso de turismo e atendimento ao cliente em Hamamatsu (ilustrativa)

O Governo Provincial juntamente com o Colégio Técnico de Hamamatsu está novamente abrindo vagas para o curso de turismo e atendimento ao cliente.

Publicidade

As inscrições iniciam em 7 de janeiro (segunda-feira) e seguem até 1º de fevereiro (sexta-feira).

Além de aprender computação nos níveis exigidos pelas empresas, o curso terá o objetivo de ensinar as leis trabalhistas, prática habitual no trabalho, etiqueta social e técnicas de comunicação em geral para obter um emprego nas áreas de vendas, atendimento ao cliente e turismo.

Veja mais informações abaixo:

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância