Homem de bicicleta na via expressa em Nagoia

Andando na contramão do acostamento da via expressa, várias pessoas que o viram ligaram para a polícia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem cedida por um motorista para a CBC TV

O gravador automotivo registrou a imagem de um homem de bicicleta, andando no acostamento, na contramão, da via expressa Ise Wangan, perto da IC Nagoya Minami.

Publicidade

Foi por volta das 16h30 de terça-feira (24) e a imagem foi cedida para a CBC TV. A polícia informou que recebeu vários telefonemas de pessoas que o viram correndo de bicicleta. 

Pela imagem parece ser um idoso, indica a matéria. A polícia o localizou e levou para a delegacia para ser ouvido. Não informou os dados pessoais dele.

Segundo a polícia não ocorreu nenhum acidente por conta desse episódio. É proibida a entrada de bicicleta e motocicleta abaixo de 125cc na via expressa.

Ao ver uma situação dessas e outras de perigo a recomendação é de ligar para #9910, central de emergência rodoviária. A chamada é gratuita, vale para todo o país e funciona 24 horas. Ou, pode ligar para a polícia: 110.

Fontes: CBC TV e MLIT

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Trabalhadores brasileiros cortados pelo ‘corona’ recorrem ao tribunal

Publicado em 25 de novembro de 2020, em Comunidade

Sentindo-se injustiçados por terem o contrato interrompido querem manter o emprego em uma indústria de Nishio.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Estátua da deusa da justiça (S. Hermann & F. Richter por Pixabay)

Na terça-feira (24), 5 brasileiros, de ambos os sexos, entraram com uma solicitação para manter o emprego e pagamento do salário, no Tribunal Distrital de Nagoia, sucursal de Okazaki. Sendo aprovada inicia-se o processo.

Publicidade

Eles foram informados da interrupção do contrato de trabalho, em abril, na indústria de autopeças na indústria Hekikai, com sede em Nishio (Aichi). A empresa alegou que foi pela queda de produção por causa da disseminação do novo coronavírus.

São trabalhadores com contrato de tempo determinado. Mas, através do sindicato Nagoya Fureai Union, o qual entrou em negociação com a indústria, continuaram trabalhando até setembro, mas no fim do mês foram desligados.

“Por que só com brasileiros? Os trabalhadores estrangeiros são seres humanos iguais. Quero tratamento igual”, disse um deles. 

Fonte: Mainichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância