Polêmica exibição de arte em Nagoia fecha após ameaças

A exibição inclui a estátua de uma menina simbolizando mulheres coreanas que trabalharam em bordéis japoneses militares.

A exibição After Freedom of Expression era para ser realizada até o domingo, 11 de julho (YouTube/CBC)

Uma controversa exibição de arte na cidade de Nagoia (Aichi) destacando trabalhos com alegadas mensagens anti-Japão foi fechada na quinta-feira (8) por repetidas ameaças, dois dias após a abertura.

Publicidade

Um pacote contendo bombinhas foi enviado a uma galeria em Nagoia onde a exibição intitulada “After Freedom of Expression” (Após Liberdade de Expressão) estava sendo realizada. Um funcionário que abriu o pacote não ficou ferido, mas a cidade decidiu fechar a instalação pelo resto da semana por razões de segurança.

A exibição, que inclui a estátua de uma menina simbolizando mulheres coreanas que trabalharam em bordéis japoneses militares, era para ser realizada até o domingo (11).

O prefeito de Nagoia, Takashi Kawamura, disse aos repórteres que o pacote, aparentemente, foi enviado por um manifestante e que a exibição precisava ser fechada para garantir a segurança de cidadãos locais.

Os organizadores do evento disseram na quinta-feira que receberam uma carta de ameaça no fim de junho exigindo que a exibição fosse cancelada.

Os trabalhos em exibição também incluíam um filme destacando uma cena onde uma imagem do imperador Hirohito, o avô de Naruhito, é queimada até se converter em cinzas.

Fonte: Japan Today

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Deslizamento entra na fábrica e funcionários são envolvidos

Publicado em 9 de julho de 2021, em Informações

Três foram vítimas do deslizamento da encosta da montanha, atrás da indústria. Chuvas históricas em Tottori e Hiroshima.

Deslizamento chega até a indústria (NHK)

Ocorreu um deslizamento em Ohara, cidade de Kurayoshi (Tottori), por volta das 15h de sexta-feira (8), na encosta de uma montanha que fica atrás de uma fábrica. 

Publicidade

Um funcionário da indústria de peças de metal – Nakayama Seiko – ligou para o Corpo de Bombeiros pedindo socorro. Teria dito “o deslizamento entrou na fábrica e pode ter soterrado os funcionários”.

Segundo a polícia, foram 3 funcionários envolvidos, sendo que dois deles, na faixa dos 20 e 30 anos, conseguiram se salvar por conta própria.

O outro, na faixa dos 40, ficou soterrado nos detritos e foi resgatado pelos bombeiros. Todos foram encaminhados para o hospital para receber cuidados e ninguém corre risco de vida.

Em Kurayoshi o índice pluviométrico desse dia foi o maior da história de observação desde 1977, quando começaram as estatísticas.

O mesmo aconteceu na cidade de Hiroshima (província homônima). Em Mihara, outra cidade da província, onde choveu mais de 50mm por hora, uma parte do aterro do rio rompeu. A prefeitura emitiu alerta máximo para os 8.260 residentes da área de Nutahigashi.

Fontes: NHK e ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros