Vacinação atrasada em Tóquio: 714 casos na quarta-feira

Tóquio confirma mais de 700 casos de Covid-19 em meio a atrasos na vacinação.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem Ilustrativa

Na quarta-feira (30), Tóquio confirmou 714 casos de Covid-19, e a média de infectados por dia na última semana passa da marca dos 500, equivalente ao nível de alerta máximo.

Publicidade

O número de pacientes em estado grave aumentaram em três dias consecutivos e totalizaram 47.

“Ninguém acredita que as medidas de prevenção de infecção possam ser suspendidas na situação atual. Acreditar que a vacina pode impedir o aumento de pacientes graves é otimista demais”, disse Tateda Kazuhiro, membro no conselho de orientação ao governo.

O aumento das infecções em Tóquio está afetando as regiões próximas da área metropolitana. No mesmo dia, foram confirmados 200 novos casos em Kanagawa e 150 em Chiba.

As autoridades relatam que a distribuição de vacinas em todo o país estão atrasadas. “A distribuição de vacinas pelo governo não está conseguindo acompanhar a velocidade das vacinações. O governo precisa criar medidas para acelerar a distribuição”, comenta Shoichi Yoshida, diretor do Departamento de Saúde de Quioto.

A cidade de Quioto está com a vacinação atrasada, e o cronograma de inoculação de adultos não tem previsão de início ainda. Segundo a prefeitura, o governo proporcionará em julho metade das vacinas da Pfizer solicitadas.

Segundo o Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-estar, serão enviadas 18,72 milhões de vacinas da Pfizer até o dia 4 de julho. Entretanto, nas 2 semanas seguintes, o número será reduzido para 12,87 milhões, e não foram informados outros detalhes sobre a previsão de vacinas.

Em coletiva, o ministro da reconstrução econômica Yasutoshi Nishimura comenta sobre a possibilidade de declaração de estado de emergência em Tóquio.

“O número de pacientes em estado grave tende a aumentar com certo atraso. E, caso as infecções entre jovens aumentar, o número de pessoas com sintomas leves também, logo quero decidir após ouvir a opinião de especialistas. Para proteger a vida da população, emitirei declaração de estado de emergência se for necessário”, disse.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Tailândia: Phuket reabre para turistas internacionais

Publicado em 1 de julho de 2021, em Ásia

A aceitação de turistas internacionais faz parte do experimento Phuket Sandbox, designado a ajudar a economia a se recuperar da pandemia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Praia de Nai Harn em Phuket, Tailândia (banco de imagens)

A popular ilha turística tailandesa de Phuket reabriu para o turismo internacional nesta quinta-feira (1º) após a Covid-19 ter impedido chegadas por mais de 1 ano.

Publicidade

Não é mais exigido que turistas se submetam a qualquer tipo de quarentena se eles forem completamente vacinados contra o coronavírus em seus países por pelo menos 14 dias e testem negativo quando chegarem à Tailândia.

“Turistas terão que aguardar o resultado em seus quartos de hotel. Se der negativo, eles estão livres para sair”, disse o presidente da Associação de Turismo de Phuket, Bhummikitti Ruktaengam.

“Eles poderão viajar livremente, mas tem que ser dentro de Phuket. Se eles desejarem visitar outras partes da Tailândia terão que passar pelo menos 14 dias em Phuket primeiro”.

Também conhecida como Pérola do Mar de Andamão, Phuket se tornou a primeira província tailandesa a receber de volta turistas internacionais sem quaisquer exigências de quarentena.

Isso faz parte de um experimento de modelo de turismo chamado Phuket Sandbox, designado a ajudar a economia a se recuperar da pandemia.

Além de estarem completamente vacinados, turistas internacionais que desejam visitar Phuket a partir de 1º de julho terão que atender a várias outras exigências.

Eles devem obter um certificado de entrada (COE) na embaixada tailandesa de onde eles vêm. Então, dentro de 72 horas antes de viajar para a Tailândia, eles precisam tirar um certificado mostrando resultado negativo de teste de Covid-19.

Crianças abaixo de 6 anos que viajam com seus pais podem entrar na província sem vacinação prévia contra coronavírus.

Fonte: Channel News Asia

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância