Wheeebo: novo jeito de se divertir em águas calmas

Essa nova plataforma para diversão na água não precisa de licença e qualquer pessoa pode desfrutar dela.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem: divulgação

Depois de Guam, chegou a vez do público do Japão curtir um novo dispositivo para ser desfrutado no mar ou no lago.

Publicidade

Wheeebo é uma embarcação pessoal aquática desenvolvida pela Yanmar Marine sob o conceito “qualquer um pode ser livre e curtir”. E não é preciso ter licença como a moto aquática. Basta querer se divertir. 

Diferente de uma prancha de surfe ou SUP o Wheeebo tem formato de uma esfera, é impulsionado pelo sensor que detecta a inclinação do corpo principal e controla a orientação da hélice na parte inferior quando o usuário coloca seu peso sobre ela para mover o centro de gravidade. 

Tem entre 1,40 e 1,60m de diâmetro, a velocidade chega a 3 nós (5,6km/h), funciona com um motor e é alimentado pela bateria dedicada de níquel-hidreto metálico. Com a carga pode-se desfrutar de 3 a 4 horas sobre a água, com controle remoto.

Imagem: divulgação

Ideal para lagos, praias ou piscinas, ou seja, locais com águas calmas.

A fabricante Yanmar disponibilizou o novo brinquedo aquático desde abril do ano passado em Guam. E, pela primeira vez, está sendo apresentado no Japão, disponibilizado para o ANA InterContinental Resort, em Ishigaki, desde 1.º deste mês.

Depois será a vez do ANA InterContinental Manza Beach Resort, em Onna, ambos na província de Okinawa.

Assista ao vídeo.

Fonte: divulgação

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Kawasaki Heavy vai transferir produção de navio GPL para a China

Publicado em 7 de julho de 2021, em Sociedade

Atualmente, a construtora naval japonesa fabrica petroleiros GPL em sua Sakaide Works na província de Kagawa.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Um transportador de hidrogênio liquefeito construído pela Kawasaki Heavy Industries (Wikimedia/Hunini)

A Kawasaki Heavy Industries vai transferir grande parte do processo de produção de navios de gás de petróleo liquefeito (GPL) para a China, cortando custos a fim de melhor competir com rivais sul-coreanas e chinesas e aumentar seus resultados.

Publicidade

Atualmente, a construtora naval japonesa fabrica petroleiros GPL em sua Sakaide Works na província de Kagawa. Ela vai transferir o know-how para a Nantong Cosco KHI Ship Engineering, ou NACKS.

O plano é mover grande parte do processo de construção, com exceção da produção de certos componentes principais como o motor, para a NACKS, possivelmente até o fim desta década. Os cascos feitos pela NACKS serão enviados para a Sakaide Works, onde a Kawasaki Heavy os equipará com motores feitos em sua planta de Kobe e prepará-los para entrega.

Além desses toques finais, a Kawasaki Heavy focará na construção de transportadores de hidrogênio líquido e outras operações relacionadas a hidrogênio no Japão após a transferência.

Fonte: Asia Nikkei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância