Coreia do Norte anuncia lançamento de míssil de alcance intermediário

Coreia do Norte anuncia lançamento de míssil balístico de alcance intermediário pela primeira vez desde 2017.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem: ANN

Segundo pronunciamento do governo japonês e do exército da Coreia do Sul, a Coreia do Norte lançou um míssil balístico de alcance intermediário em direção ao Mar do Japão por volta das 7h50 de sábado (30). O míssil atingiu a altitude de 2.000km e seu alcance foi de aproximadamente 800 quilômetros, explicam as autoridades.

Publicidade

Os ministros e o primeiro-ministro Kishida se reuniram no Gabinete para realizarem um Conselho de Segurança Nacional em relação ao lançamento. Em pronunciamento, Kishida criticou fortemente a Coreia do Norte, mas explicou que este lançamento não é uma “ameaça iminente” ao Japão e aliados dos EUA.

O jornal norte-coreano Rodong Sinmun anunciou que o míssil foi lançado através de movimento de projétil, uma técnica avançada, e o objetivo foi “testar a precisão, segurança e eficácia operacional do sistema bélico”. No jornal, está estampada uma foto de um míssil com uma ponta afiada lançado de uma plataforma de lançamento móvel e subindo enquanto sopra uma chama laranja, e outra fotografia da Terra tirada do espaço com uma câmera instalada na ogiva.

O governo comenta que o míssil voou cerca de 30 minutos até cair nos arredores da zona econômica exclusiva do Japão. Este é o sétimo lançamento de míssil realizado pela Coreia do Norte neste ano.

Especialistas analisam que o míssil lançado no sábado pode ser o “Hwasong-12”, que foi testado pela última vez em 2017. O “Hwasong-12” tem a capacidade de atingir até 5.000km de alcance, podendo atingir Guam, ilha pertencente aos EUA. A hashtag “Hwasong-12” circulou bastante pelas redes sociais neste fim de semana.

Fonte: ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Onda de aumentos de preços no Japão é preocupante

Publicado em 1 de fevereiro de 2022, em Economia

Inflação continuará no Japão e preços de diversos produtos alimentícios e até das contas de luz e gás aumentarão em fevereiro.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem: FNN

Mal começou o mês de fevereiro e as empresas de alimentícios já anunciaram que o preço de diversos produtos do dia a dia continuará aumentando. A Nippon Suisan e Aji no Moto anunciaram que diversos produtos, desde shouyu, maionese até congelados, terão um aumento de cerca de 4% a 13%. Os enlatados da Maruha Nichiro aumentarão de 2% a 23%, e os produtos da Nippon Flour de 5% a 12%, no preço.

Publicidade

A inflação também afetará os valores de macarrões e molhos, que terão um aumento de até 9% nas maiores marcas. O preço dos peixes também terão um aumento de 5% a 13% no geral.

A Koikeya anunciou que as batatas fritas terão uma alta de 6% a 11%, e produtos necessários para nosso cotidiano como óleo para fritura, shouyu, geleia e muitos outros continuarão com preços elevados.

Além dos alimentos, o preço das contas de luz e gás devem aumentar também. As 10 maiores companhias elétricas revelaram que elevaram os valores de ¥78 a ¥351, e 4 companhias de gás anunciaram um aumento de ¥205 a ¥274.

O motivo desta inflação se deve a diversos fatores. Embora a demanda por consumo voltou a aumentar na China e Europa, a baixa produtividade de matéria-prima e a falta de contêineres e mão de obra devido à pandemia afetaram negativamente na distribuição. A alta do petróleo e gasolina, aliados com a desvalorização do iene, também contribuíram com a inflação.

Muitas pessoas estão insatisfeitas com a situação, visto que os salários não estão aumentando conforme a alta dos custos de vida. A Federação de Negócios do Japão (Keidanren) relata que trabalhará para aumentar os salários e melhorar o tratamento geral.

Fonte: FNN e ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância