Quarta-feira: aumento pelo terceiro dia consecutivo

O dia teve 12,7 mil casos a mais do que na mesma quarta-feira da semana anterior. O número de pacientes em estado grave aumentou.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

SARS-CoV-2 (CDC)

Assim como Tóquio teve um aumento de 3 mil em relação à semana passada, com 9.520 novos casos nesta quarta-feira (30), a soma total do Japão também foi mais elevada, fechando o dia com 53.753 testados positivo para o novo coronavírus.

Publicidade

Foram 4.517 em Osaka, 3.804 em Saitama, 3.794 em Kanagawa, 3.277 em Aichi, 3.017 em Chiba, 2.468 em Fukuoka, 2.156 em Hyogo e 1.979 em Hokkaido.

Nas demais províncias foram 1.137 em Shizuoka, 1.091 em Hiroshima, 1.058 em Okinawa, 927 em Ibaraki, 761 em Tochigi, 748 em Gunma, 660 em Mie, 581 em Nagano, 532 em Shiga e 520 em Gifu.

Mie teve o dobro de aumento em relação à semana anterior e Aichi teve um leve um leve de 120 casos a mais. 

O dia teve 96 óbitos, sendo 23 em Osaka, 11 em Tóquio, 7 em Saga e em Saitama, 6 em Aichi, 5 em Kanagawa, 4 em Hokkaido, em Chiba, em Fukuoka e em Gunma, além de outras províncias.

São 476.319 pacientes em tratamento, dos quais 655 estão em estado grave.  

Em contrapartida, 6.009.619 pessoas se recuperaram da covid.

Na segunda-feira (28) foram realizados 66.665 testes PCR. 

Veja a tabela com os dados por província.

REGIÃO PROVÍNCIA TOTAL
Hokkaido 1.979
Tohoku Aomori 513
Iwate 211
Miyagi 743
Akita 303
Yamagata 240
Fukushima 492
Kanto Ibaraki 927
Tochigi 761
Gunma 748
Saitama 3.804
Chiba 3.017
Tóquio 9.520
Kanagawa 3.794
Hokuriku Niigata 695
Toyama 292
Ishikawa 300
Fukui 182
Koshin Yamanashi 302
Nagano 581
Tokai Gifu 520
Shizuoka 1.137
Aichi 3.277
Mie 660
Kinki Shiga 532
Quioto 1.166
Osaka 4.517
Hyogo 2.156
Nara 447
Wakayama 223
Chugoku Tottori 94
Shimane 123
Okayama 651
Hiroshima 1.091
Yamaguchi 318
Shikoku Tokushima 100
Kagawa 404
Ehime 264
Kochi 174
Kyushu Fukuoka 2.468
Saga 458
Nagasaki 297
Kumamoto 561
Oita 398
Miyazaki 383
Kagoshima 776
Okinawa 1.058
Aeroportos 96
TOTAL GERAL 53.753
Fontes: News Digest e NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Casos de covid-19 na Ásia passam de 100 milhões

Publicado em 30 de março de 2022, em Ásia

A Coreia do Sul lidera o mundo em número médio diário de novos casos registrados.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Pessoas de máscara no metrô em Seul, Coreia do Sul (banco de imagens)

Infecções por covid-19 na Ásia ultrapassaram 100 milhões nesta quarta-feira (30), de acordo com um cálculo da agência Reuters, enquanto a região registra um aumento de casos, dominados pela subvariante BA.2 da variante ômicron do coronavírus.

Publicidade

A região está reportando mais de 1 milhão de novos casos de covid-19 a cada 2 dias, de acordo com uma análise da Reuters. Com mais da metade da população mundial, a Ásia tem 21% de todos os casos reportados de covid-19.

A Coreia do Sul lidera o mundo em número médio diário de novos casos registrados, contando por 1 em cada 4 infecções reportadas globalmente a cada dia, segundo a análise da Reuters.

A China está tentando conter seu maior surto desde o início da pandemia. O aumento nos casos de covid-19 em Xangai, alimentados pela subvariante BA.2, levou o centro financeiro a entrar em lockdown.

A Índia sozinha conta por 43 milhões de casos de coronavírus, mais do que o total dos três países asiáticos mais atingidos que são Japão, Coreia do Sul e Vietnã.

No início de março, a Ásia ultrapassou 1 milhão de mortes por covid-19. Agora o número situa-se a 1.027.586 milhões de óbitos relacionados ao vírus por todo o continente.

Vacinas são consideradas menos eficazes contra a subvariante BA.2 comparada com suas antecessoras. Estudos mostraram que a ômicron pode reinfectar pessoas anteriormente diagnosticadas com variantes diferentes de coronavírus.

Fonte: Bangkok Post

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência