Ucrânia marca 36 anos do desastre nuclear de Chernobyl

Funcionários do governo e forças de segurança colocaram flores em frente ao memorial na planta durante uma cerimônia na terça-feira.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Uma placa indicando radiação no lado de fora de um café em Pripyat (Wikimédia Commons/D. Markosian)

Pessoas se reuniram na Ucrânia na terça-feira (26) para marcar 36 anos do catastrófico acidente na planta nuclear de Chernobyl.

Publicidade

Um alto funcionário no país alertou que a tragédia poderia ter acontecido de novo, referindo-se à ocupação temporária do local pelas forças russas em fevereiro e março.

O acidente ocorreu em 26 de abril de 1986. Cerca de 30 pessoas morreram após sofrerem exposição aguda à radiação. Dentre elas estavam bombeiros que responderam ao acidente. Muitas pessoas sofreram problemas de saúde e um grande número de crianças desenvolveu câncer de tireoide.

Funcionários do governo e forças de segurança colocaram flores em frente ao memorial na planta durante uma cerimônia na terça-feira.

Tropas russas assumiram a planta após a invasão ter começado em fevereiro deste ano. A eletricidade no local ficou suspensa por um certo período de tempo, devido ao ataque.

Cerca de 170 funcionários de segurança ucranianos foram levados para a Rússia ou Belarus e nunca retornaram.

Autoridades ucranianas dizem que veículos militares russos podem ter estimulado substâncias radioativas no solo quando estavam passando.

Elas acrescentam que pode levar um longo tempo para avaliar o impacto, visto que minas terrestres plantadas pelos russos precisam ser removidas primeiro.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Burger King pede sugestões de como substituir as batatas fritas

Publicado em 27 de abril de 2022, em Economia

Com a crise mundial das batatas, a ideia da rede Burger King de pedir ajuda com sugestões teve grande repercussão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Combo Whopper sem as batatas (reprodução do post do Burger King)

A empresa operadora do Burger King Japan teve a ideia de publicar um post pedindo ajuda. “Estamos em apuros por falta de batatas. Por favor, nos ajude”, abre o texto.

Publicidade

“Estamos aceitando propostas de empresas e organizações para uma boa sugestão de acompanhamento, que combine com o sanduíche Whopper”, apelou no Twitter. 

De acordo com um comunicado de imprensa, o estoque de batatas para servi-las fritas continua em falta por causa dos danos causados pelas inundações na América do Norte e também pelo impacto da pandemia do coronavírus.  

Muitas sugestões

Os fãs sugeriram KitKat, anéis de cebola, falafel (bolinho de grão de bico), brócolis, tiras crocantes de queijo na chapa, palitos de abóbora frita e muito mais. 

Vendo as sugestões dos fãs, percebe-se que embora gostem da batata frita como acompanhamento, quiseram ajudar o Burger King, não se importando que ela fosse substituída temporariamente. 

A Babystar postou uma imagem sugestiva dizendo que pode colaborar com os macarrões fritos, adorados pelas crianças. 

Outra empresa, postou uma sugestão, com foto, de um banner mostrando que tem Doritos. 

Para acompanhar o famoso sanduíche, outras empresas também enviaram suas sugestões. Agora, cabe a Japan Frito-Lay, empresa operadora do Burger King, decidir o que fará.

Em relação à escassez de batatas, o McDonald’s Japan também suspendeu temporariamente a venda de batatas de tamanho M e L, e o Mos Burger em todo o país também restringiu temporariamente a venda de batatas fritas.

Fontes: divulgação e Huffington Post

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência