União Europeia aprova fim das vendas de carros a combustão

A medida significará uma suspensão de fato das vendas de carros movidos a gasolina e diesel.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Carros e ônibus em rua de Roma, Itália (banco de imagens)

A União Europeia (UE) aprovou um plano para encerrar as vendas de veículos com motores a combustão até o ano 2035 na Europa, anunciou o bloco de 27 membros nesta quarta-feira (29), em uma tentativa de reduzir para zero as emissões de dióxido de carbono.

Publicidade

A medida, proposta pela primeira vez em julho de 2021, significará uma suspensão de fato das vendas de carros movidos a gasolina e diesel, assim como de veículos leves comerciais e uma completa mudança para motores elétricos na UE a partir de 2035.

O plano é destinado a ajudar a alcançar os objetivos do clima do continente, em particular, neutralidade de carbono até 2050.

A pedido de países incluindo a Alemanha e Itália, o bloco também concordou em considerar uma futura aprovação para o uso de tecnologias alternativas como combustíveis sintéticos ou híbridos plug-in.

Enquanto aprovação estaria ligada a atingir a completa eliminação de gases do efeito estufa, as tecnologias vêm sendo contestadas por ONGs ambientais.

Ministros do Meio Ambiente que se encontraram em Luxemburgo também aprovaram um período de extensão de 5 anos de isenção das obrigações relacionadas ao CO2 garantida às chamadas fabricantes “de nicho”, ou aquelas que produzem menos de 10 mil veículos por ano, até o fim de 2035.

Fonte: Channel News Asia

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Corpo é encontrado em Sakhalin após acidente com barco turístico em Hokkaido

Publicado em 29 de junho de 2022, em Sociedade

Após o relato da Rússia ao Japão na terça-feira (28), a JCG acredita que o corpo pode ser de uma pessoa que estava a bordo do barco que afundou.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O Kazu I sendo recuperado dias após o acidente (YouTube/日テレNEWS)

Autoridades russas informaram ao Japão que um corpo parecendo ser de um japonês foi encontrado na parte sul da ilha de Sakhalin, soube o jornal Mainichi de uma fonte afiliada à Guarda Costeira do Japão (JCG), enquanto outras 12 pessoas continuam desaparecidas após o acidente com o barco turístico em Hokkaido no mês de abril.

Publicidade

O barco turístico Kazu I afundou ao largo da costa da Península de Shiretoko em Hokkaido no dia 23 de abril. Dos 26 passageiros e tripulação a bordo, houve a confirmação de que 14 pessoas morreram, enquanto outras 12 continuam desaparecidas.

Após o relato das autoridades russas ao Japão através de uma rota diplomática na terça-feira (28), a JCG acredita que o corpo pode ser de uma pessoa que estava a bordo da embarcação que afundou.

De acordo com a fonte, acredita-se que corpo seja de um homem, o qual estava com colete salva-vidas escrito “Kazu” e possuía smartphone, relógio, chave de carro, dentre outros itens.

Em maio, os corpos de um homem e de uma mulher também foram encontrados, na ilha Kunashiri, um dos Territórios no Norte reivindicados pelo Japão e controlados pela Rússia.

Análise de DNA foi conduzida pelo lado russo, usando amostras fornecidas por membros das famílias das pessoas que estavam a bordo do barco. A JCG também realizou sua própria análise para verificar suas identidades.

Fonte: Mainichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência