Desde setembro de 1998 o iene não desvaloriza tanto

Entenda o motivo da depreciação da moeda japonesa em relação ao dólar americano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

10 dólares = 1.380 ienes (PM)

No mercado de câmbio de Tóquio a moeda japonesa caiu temporariamente para 138 ienes o dólar americano, na manhã de quinta-feira (14). 

Publicidade

É a primeira vez desde setembro de 1998 que a desvalorização chegava a este nível.

Foi em resposta ao índice de preços no consumidor (IPC), dos EUA, anunciado no dia anterior, o qual subiu 9,1%, o maior em cerca de 40 anos e meio. O IPC é usado para observar as tendências da inflação.

Espera-se que o Sistema de Reserva Federal dos EUA (FRB) decida aumentar significativamente as taxas de juros na reunião deste mês para conter a inflação. 

O diferencial das taxas de juros entre o Japão e os Estados Unidos deve aumentar ainda mais, de modo que o movimento de venda de ienes e compra de dólares continua se intensificando.

~Atualização~ No final do expediente do mercado de câmbio de Tóquio a cotação do dólar foi fechada a ¥139. Houve uma variação de quase 2 ienes em um único dia.

Fontes: Yomiuri e NTV

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

‘Centaurus’: especialistas manifestam preocupação com nova subvariante da Covid

Publicado em 14 de julho de 2022, em Notícias do Mundo

A subvariante BA.2.75, apelidada de ‘Centaurus’, surgiu pela 1ª vez na Índia em maio. Desde então, ela se espalhou para cerca de 10 países.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Especialistas dizem que não há evidência de que a Centaurus cause doença mais grave do que a ômicron original (ilustrativa/banco de imagens)

Os Países Baixos (Holanda) anunciaram na quarta-feira (13) que se tornaram a nação mais recente a detectar um caso da subvariante BA.2.75 da ômicron da covid-19, enquanto especialistas manifestam preocupação com a rápida propagação da cepa.

Publicidade

A subvariante, apelidada de “Centaurus”, surgiu pela primeira vez na Índia em maio deste ano e desde então se espalhou para cerca de 10 nações, incluindo EUA, Reino Unido, Alemanha e Austrália.

Alguns cientistas temem que a variante possa ser a mais contagiosa já vista, e melhor equipada para escapar de qualquer imunidade de vacinas e infecção anterior.

Entretanto, não há prova de que ela cause qualquer doença mais grave do que o tipo original da ômicron de onde ela evoluiu, disseram especialistas da covid ao Mail Online na quarta-feira.

Pouco se sabe sobre a BA.2.75”, disse o Instituto Holandês de Saúde Pública em uma declaração, mas parece que ela contorna com mais facilidade as defesas construídas contra a SARS-CoV-2 através de mudanças pequenas e específicas”.

A cientista chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Soumya Swaminathan, disse na semana passada que a agência das Nações Unidas estava rastreando a cepa, mas que havia “sequências limitadas para analisar”

Ela acrescentou que era “muito cedo para saber” o quão bem a cepa pode escapar de imunidade ou o quão severa ela era.

Antoine Flahault, diretor do Instituto de Saúde Global na Universidade de Genebra, disse à agência de notícias AFP que a propagação da BA.2.75 na Índia indicou que ela era mais transmissível do que a subvariante BA.5 da ômicron que vem conduzindo ondas na Europa e EUA.

Fonte: Mail Online

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência