‘Momento de considerar estado de emergência’ avaliam especialistas

O termo ‘estado de emergência’ não foi considerado só pelos especialistas, mas também pelos internautas preocupados com a infecção explosiva.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Coronavírus (Public Domain Public)

Em resposta ao total de pessoas testadas positivo na quinta-feira (21) no Japão, de 186 mil, o maior desta epidemia, os especialistas reunidos no Ministério da Saúde, Trabalho e Bem Estar, emitiram um parecer: “É o momento de considerar um estado de emergência”.

Publicidade

O presidente desse comitê, Takaji Wakita, disse que “daqui para frente poderão ocorrer novos recordes de pessoas infectadas. Portanto, é preciso cautela máxima na observação das consequências no sistema médico”. 

Os especialistas estão preocupados com essa infecção explosiva, pois o aumento foi de 172% em relação à semana anterior, o qual já foi elevado.

Além disso, o Instituto Nacional de Doenças Infecciosas (NIID) estima que a proporção de infecção pela subvariante BA.5, cuja propagação é rápida, tenha chegado a 96% nesta semana.

Na reunião, vários membros do comitê comentaram que chegou a hora de considerar fortes restrições comportamentais e até declaração do estado de emergência, considerando a escala atual de infecção e o aumento do número de óbitos no futuro.

Nas redes sociais, desde que Tóquio divulgou o resultado de quarta-feira (20), de 20 mil novos casos, e Osaka de 21 mil, as pessoas começaram a manifestar preocupação com comentários sobre um possível estado de emergência ou de medidas específicas para restringir a movimentação das pessoas.  

Fontes: ANN e Sponichi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Urso polar pede ajuda a homem após ficar com lata presa na língua

Publicado em 22 de julho de 2022, em Notícias do Mundo

Um vídeo mostra o urso polar se aproximando de casas em um posto avançado em Dikson, na Rússia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A lata de leite condensado ficou presa na língua do urso polar (Twitter/The Siberian Times)

Um urso polar faminto se aproximou de casas em um posto avançado no Ártico pedindo ajuda após uma lata de leite condensado ter ficado presa em sua língua.

Publicidade

Imagens de partir o coração mostram o animal suplicando por ajuda humana em Dikson, norte da Rússia, visto que ele não conseguia comer após ficar com sua língua presa a uma lata vazia de leite condensado.

O urso polar pode ser visto se aproximando de um residente que estava em sua varanda. O homem tenta remover a lata pontiaguda da boca do urso, mas não consegue.

Uma equipe de veterinários chegou ao vilarejo remoto após uma jornada por estrada de mais de 3 mil quilômetros assolada por mau tempo e conseguiram sedar o animal e remover a pequena lata.

“A ursa, que tem entre 80 e 90 quilos, será monitorada por vários dias e então devolvida ao seu habitat natural com uma boa quantidade de peixes”, disse na quinta-feira (21) a chefe ambiental russa Svetlana Radionova.

Especialistas dizem que ursos polares normalmente não se aproximam de humanos dessa maneira, mas o animal ficou desesperado porque estava faminto.

Provavelmente, a ursa encontrou a lata de leite condensado vazia em uma lixeira quando estava em busca de comida.

Fonte: Mail Online

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência