Touro com chifres em chamas fere e mata homem em festival na Espanha

Adrian Martínez Fernández, de 24 anos, foi ferido pelo animal de meia tonelada no município de  Vallada, em Valência no domingo (21).

Ilustrativa (banco de imagens)

Um jovem espanhol foi ferido e morto por um touro com seus chifres em chamas que faz parte de um festival local.

Publicidade

Adrian Martínez Fernández, de 24 anos, foi ferido pelo animal de meia tonelada no município de Vallada, na província de Valência no domingo (21).

Imagens do incidente mostraram como o animal, cujos chifres foram colocados em chamas como parte de uma tradição do festival anual de corrida de touro, feriu Martínez enquanto espectadores assistiam a apenas alguns metros de distância.

Ele foi levado para o hospital onde médicos descobriram que o animal havia rompido seu baço e nada pôde ser feito para salvar sua vida.

Autoridades em Vallada suspenderam o festival de tourada que aconteceria depois no mesmo dia e um outro na segunda-feira (22).

No início deste mês, um outro festival de corrida de touros em Valência foi cancelado após duas crianças terem sido permitidas a colocarem fogo nos chifres de um animal, em violação às regras as quais proíbem que menores participem.

O Torture is Not Culture (Tortura Não é Cultura), um grupo de direitos dos animais, disse que a morte mais recente no evento de corrida de touros levou para 10 o número de óbitos nessas atividades até agora neste ano.

“Os regulamentos de celebrações populares de touradas se referem à segurança pública, respeito à propriedade e proibição de maus-tratos contra animais. Entretanto, os meios necessários para colocar isso em prática são raramente feitos”, disse José P. Cubells do Torture is Not Culture.

Em 2013, o então conservador governo declarou as touradas parte do patrimônio nacional que devem ser protegidas por toda a Espanha, bloqueando efetivamente quaisquer tentativas de proibir a prática.

Fonte: Telegraph

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Concerto do Bicentenário da Independência do Brasil em Tóquio

Publicado em 25 de agosto de 2022, em Tome Nota

Programa cultural imperdível! Em comemoração ao bicentenário da independência, uma orquestra japonesa realizará um concerto de música clássica brasileira.

Imagem ilustrativa de violino com piano aos fundos (Pixinio/Nice)

O Brasil irá comemorar seu 200.º aniversário de independência em 7 de setembro. Para este marco, a Associação Villa-Lobos do Japão realizará o Concerto do Bicentenário da Independência, em colaboração com a Embaixada do Brasil no Japão. 

Publicidade

O concerto marca a abertura de um projeto global que será realizado em quatro cidades: Tóquio, Berlim, Londres e Nova Iorque. Em Tóquio, uma orquestra de cerca de 70 músicos profissionais japoneses, especialmente organizada para a celebração, se apresentará sob a direção de Yusuke Kimoto, presidente da Associação Japonesa Villa-Lobos.

O programa é composto pelas obras do imortal carioca Heitor Villa-Lobos, considerado o mais famoso músico clássico da América do Sul no mundo, além de Alberto Nepomuceno, outro músico erudito; Carlos Gomes e também uma peça do entusiástico ritmo do frevo, de Claudio Santoro.

Reprodução

O convite é dirigido para comemorar todos juntos o aniversário especial, de uma forma encantadora vivenciando a rica história da música erudita tecida no Brasil, um país da diversidade. 

Ótimo concerto!

Fonte: Teket

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros