Probabilidade de ocorrência de outro megaterremoto após o Nankai Trough é de até 96%

A publicação de um estudo sobre a ocorrência de um outro megaterremoto após o Nankai Trough foi destaque na imprensa japonesa.

Imagem ilustrativa do Nankai Trough, onde poderá ocorrer o megaterremoto (Wikimedia)

Depois da ocorrência de um megaterremoto de magnitude 8 ou acima, como o Nankai Trough ou o da Fossa do Japão (Japan Trench), a probabilidade de desencadear outro tão forte quanto, em 3 anos, é de  4,3% a 96%, de acordo com um estudo feito pelas Universidades de Tohoku, Tóquio e Quioto.

Publicidade

Esse trabalho de pesquisa foi publicado na revista científica britânica Scientific Reports, na terça-feira (10).

Com base nas estatísticas de terremotos dos últimos 110 anos em todo o mundo, a probabilidade de ocorrência subsequente em um período de tempo é de 2,6% a 85% em um mês e de 2,1% a 77% em uma semana. Ou seja, a probabilidade de ocorrência aumenta em 100 a 3,6 mil vezes em uma semana. Mas há probabilidade de ocorrência sequencial em 6 horas, de 1 a 53%.

Segundo a equipe, não houve nenhum cálculo experimental concreto da probabilidade de ocorrência contínua até o momento, mas é importante se preparar para isso.

A razão para a ampla gama de probabilidades é que após o ano de 1361 há diferentes visões para os número de réplicas, como 2 depois de grandes terremotos mas também de 4.  

Hiroshi Fukushima, professor associado do International Research Institute of Disaster Science da Tohoku University, disse que “acho que é mais fácil para as pessoas terem uma ideia da alta probabilidade e incerteza de uma série de desastres se os mostrarmos em números”.

Mapa do Japão: Nankai Trough e Japan Trench (Wikimedia)

Ele apontou 2 casos:

  • No intervalo de 32 horas ocorreram os terremotos Ansei, Tokai e Nankai em 1854
  • Os terremotos Showa Tonankai e Nankai ocorreram em 1944 e 1946 em intervalos de cerca de 2 anos. Mas podem ter ocorrido em 1361 e 1498 também

Segundo a equipe, há uma tendência de megassismos com regiões focais em diferentes locais ao longo da fossa (trough) ocorrerem consecutivamente. Por outro lado, há casos, como o terremoto Hoei de 1707, em que a região não foi dividida e toda a fossa se tornou a região focal.

Quando ocorrer um grande terremoto, a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) emitirá informações temporárias com “alerta de um grande terremoto” em preparação para uma série de ocorrências, para que a população das áreas costeiras se afastem imediatamente quando se prevê tsunami, para evacuação em local seguro, por pelo menos 1 semana.

“É importante se preparar antes – para os desastres – depois de considerar a possibilidade da ocorrência de terremotos subsequentes”, analisou Fukushima. 

Por isso, é preciso rever o seu kit de emergência (toque aqui para verificar o que é necessário). Além disso, compreenda a linguagem usada nos alertas de emergência e veja o que fazer.

Fontes: Sankei, Yomiuri e Mainichi

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Banco Mundial reduz previsões de crescimento em 2023 e alerta sobre recessão global

Publicado em 11 de janeiro de 2023, em Notícias do Mundo

O banco, que também reduziu suas estimativas de crescimento para 2024, disse que inflação persistente e taxas de juros mais altas são as razões principais.

Cédulas de dólar dos EUA (ilustrativa/banco de imagens)

O Banco Mundial (BM) reduziu suas previsões de crescimento para a maioria dos países e regiões e alertou que novos choques adversos poderiam levar a economia global a uma recessão.

Publicidade

O Produto Interno Bruto (PIB) global provavelmente aumentará 1.7% neste ano, cerca da metade do ritmo previsto em junho, disse na terça-feira (10) a instituição financeira internacional sediada em Washington. Isso seria a terceira pior performance nas últimas três décadas, após contrações de 2009 e 2020.

O banco, que também reduziu suas estimativas de crescimento para 2024, disse que inflação persistente e taxas de juros mais altas são as razões principais. Ele citou, além disso, a invasão da Rússia à Ucrânia e um declínio em investimentos.

“A crise voltada ao desenvolvimento está se intensificando” e os retrocessos à prosperidade global provavelmente persistirão, escreveu o presidente do BM, David Malpass, em um prefácio ao relatório semianual Global Economic Prospects do banco.

Ele disse que o PIB em mercados emergentes e economias em desenvolvimento no fim do próximo ano serão de cerca de 6% abaixo do nível esperado às vésperas da pandemia de covid-19.

Fonte: Bloomberg

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros