G7: Brasil anuncia presença de Lula na cúpula em Hiroshima

O Brasil é um dos principais países emergentes e em desenvolvimento do Sul global com o qual Kishida visa fortalecer cooperação.

A cúpula do G7 em Hiroshima começa na sexta-feira, 19 de maio (banco de imagens)

O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, visitará o Japão a partir de sexta-feira (19) para participar da cúpula do G7 na cidade de Hiroshima no mesmo dia, disse o governo brasileiro na segunda-feira (15).

Publicidade

Essa será a 7ª vez que Lula participa de uma cúpula do G7 ou G8. Ele esteve presente na G8 que foi realizada em Toyako (Hokkaido) no ano de 2008.

Lula partirá do Brasil na quarta-feira (17). Durante sua estada no Japão, o presidente planeja se encontrar com o primeiro-ministro japonês Fumio Kishida.

O Brasil é um dos principais países emergentes e em desenvolvimento do Sul global com o qual Kishida visa fortalecer cooperação. Líderes da Índia e Indonésia, que igualmente estão entre as nações do Sul global, também foram convidados para a cúpula em Hiroshima.

O G7 é o grupo dos países mais industrializados do mundo formado por Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido, embora a União Europeia também esteja representada.

Fonte: Nippon, Jiji

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Sete companhias aumentarão tarifa de energia elétrica, em junho

Publicado em 16 de maio de 2023, em Economia

Os percentuais de aumento foram aprovados pelo governo, após análise, de cada um dos pedidos das 7 companhias de energia elétrica.

Foto ilustrativa de uma luminária de teto (NHK)

O governo realizou uma reunião ministerial na terça-feira (16), para discussão sobre os aumentos de preços, quando aprovou os pedidos das 7 grandes companhias fornecedoras de energia elétrica.  

Publicidade

O aumento médio das tarifas de cada companhia varia de 15% a 39% porque todas elas explicaram sobre a difícil situação financeira.

A faixa média de aumento de preço das tarifas de consumo da energia elétrica de cada empresa mudou a pedido do governo, com rebaixamento do percentual. Veja como ficaram decididas as médias de cada uma.

  • Hokkaido Electric Power: de 31,4% para 20,1%
  • Tohoku Electric Power: de 32% para 21,9% 
  • Tokyo Electric Power: de 29,2% para 15,3%
  • Hokuriku Electric Power: de 43,4% para 39,7% 
  • Chugoku Electric Power: de 29,5% para 26,1%
  • Shikoku Electric Power: de 26,8% para 23%
  • Okinawa Electric Power: de 41,7% para 36,6% 

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão (METI) recalculou analisando rigorosamente os custos de combustível dos três meses, de novembro do ano passado a janeiro deste ano, quando os preços da energia caíram, além dos níveis salariais dos funcionários.

Com base nesta política de avaliação, as 7 empresas fornecedoras de energia elétrica deverão aplicar o aumento na fatura de junho, portanto, os consumidores desembolsarão mais no pagamento em julho.  

Fontes: NHK e ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!