Os lenços umedecidos para bebês mais usados pelas mães no Japão

Lenços umedecidos para bebês: tudo o que você precisa saber para escolher o melhor para o seu pequeno e os modelos mais populares no Japão.

Usar lenços umedecidos apropriados é fundamental para o bebê (ilustrativa)

Assim como as fraldas descartáveis, há uma grande variedade de lenços umedecidos para bebês disponíveis no mercado japonês.

Publicidade

De acordo com uma pesquisa da Unicharm, uma fabricante líder de itens sanitários e das fraldas Moony e Mamy Poko, as três principais qualidades que mamães no Japão consideram quando compram lenços umedecidos são: suavidade na pele do bebê, que não cause irritação e limpe toda a sujeira.

A pele dos bebês e crianças pequenas é delicada e se irrita facilmente. Como as mães podem usar lenços umedecidos várias vezes ao dia, outros fatores que você pode querer considerar são a espessura, o teor de água e ingredientes hidratantes.

Fabricantes de lenços umedecidos levam em consideração a delicadeza da pele das crianças, portanto não é difícil encontrar lenços com alto teor de água.

O teor de água pode estar listado no rótulo em uma das seguintes maneiras:

  •     水 – água
  •     純粋99% – 99% água purificada
  •     水99% – 99% de água
  •     純水使用 – feito com água purificada

Lenços umedecidos de bebês também podem conter agentes hidratantes:

  •     アロエベラ液 – extrato de aloe vera
  •     酢酸コフェロール – acetato de tocoferol, também conhecido como acetato de vitamina E
  •     もも葉エキス配合 – extrato de folha de pêssego
  •     ヒアルロン酸ナトリウム – hialuronato de sódio

Para pele sensível, você pode querer comprar lenços umedecidos que são:

  •     無添加 – livre de aditivos
  •     弱酸性 – acidez suave
  •     無香料 – sem fragrância
  •     ノンアルコール – sem álcool

As fabricantes de lenços umedecidos são geralmente as mesmas que produzem fraldas, portanto, você encontrará no mercado lenços da marca Pampers, Merries, Moony ou GOO.N.

As principais marcas no mercado japonês classificadas pelas mamães no Japão:

Akachan Honpo

Você pode reconhecer a Akachan Honpo como a fabricante de produtos e roupas de bebês, mas eles também têm marca própria de lenços umedecidos que são altamente recomendados. Seus lenços contêm 0.3% de antissépticos e desinfetante que podem ser usados no corpo, assim como nas mãos e pés. Toque para ver o produto.

GOO.N

Os lenços da GOO.N são finos, mas usam 99% de água, permitindo uma limpeza sem muito esforço do bumbum do bebê e mãos. Livres de parabenos e álcool. Toque para ver o produto.

Kirkland

As mães no Japão gostam muito do tamanho extra dos lenços da Kirkland que são grossos e com apenas um ou dois é possível fazer a limpeza. Entretanto, os lenços da Kirkland parecem ser mais secos do que de outras marcas. Eles são hipoalergênicos, feitos com aloe e camomila. Toque para ver o produto.

LEC

Os lenços da LEC são geralmente recomendados pelo seu custo-benefício. Seu alto teor de água (99% de água purificada) torna a troca de fralda e limpeza muito simples. Contém ácido hilaurônico. Toque para ver o produto.

Merries

Os lenços da Merries são comercializados pensando nos recém-nascidos. Eles são grossos e têm um interior especial entrelaçado designado para fazer a limpeza sem deixar qualquer bagunça. Toque para ver o produto.

Moony

Os lenços da Moony são embalados como “feitos a partir de materiais tão suaves como cashmere”. Eles podem ser usados nas mãos e rosto. Feitos com 99% de água purificada. Toque para ver o produto.

Pampers

Os lenços da Pampers são grossos e um dos maiores no mercado. Sua textura é boa para pele sensível. Toque para ver o produto.

Pigeon

Uma fabricante líder de produtos para bebês, os lenços da Pigeon são mais grossos do que aqueles no mercado e mais largos também. Eles podem ser usados desde recém-nascido tanto na face quanto no corpo. São hipoalergênicos e feitos com 99% de água pura. Toque para ver o produto.

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Enfermeiro mata 20 pacientes de Covid porque não queria vê-los sofrer

Publicado em 5 de maio de 2023, em Notícias do Mundo

Uma investigação analisará mortes de pacientes entre março de 2020 e maio de 2022.

Um enfermeiro na Holanda disse a funcionários do hospital que ele havia matado pacientes de coronavírus (ilustrativa/banco de imagens)

Um enfermeiro na Holanda admitiu para colegas que havia matado pelo menos 20 pacientes de coronavírus, disse na quinta-feira (4) o departamento de promotoria pública.

Publicidade

Theodoor V, de 30 anos, estaria preocupado com o sofrimento de suas vítimas enquanto trabalhava como enfermeiro pulmonar no Hospital Wilhelmina em Assen (WZA).

V foi preso há 3 semanas em sua casa em Veenhuizen após confessar para funcionários enquanto estava recebendo tratamento em uma clínica de saúde mental em Drenthe.

A promotoria disse que ele havia indicado “várias vezes” em suas conversas com funcionários de saúde mental que “como enfermeiro pulmonar no WZA, ele havia acabado prematuramente com as vidas de 20 pacientes durante a pandemia de coronavírus”.

“O suspeito, alegadamente, teria executado procedimentos médicos em pacientes que, em seu ponto de vista, estavam em estado terminal e sofrendo, sem instruções de um médico”

V, agora, recebeu ordem de um tribunal em Assen para continuar preso por pelo menos outros 30 dias.

Autoridades continuarão a analisar mortes de pacientes entre março de 2020 e maio de 2022, com a expectativa de que a investigação criminal seja concluída até junho.

Um porta-voz disse: “Atualmente, especialistas estão verificando se discrepâncias podem ser encontradas em registros médicos que podem corresponder com as declarações do suspeito”.

As famílias das vítimas foram informadas sobre a investigação há 2 semanas.

Fonte: Daily Mail

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!