Empresa no Japão desenvolve roupas repelentes de insetos

A meta é utilizar a tecnologia para uma ampla variedade de propósitos, de ocupações ao ar livre a cuidados de enfermagem.

Desenvolvimento de tecidos e roupas repelentes de insetos (ilustrativa/banco de imagens)

Uma empresa startup no Japão vem trabalhando no desenvolvimento de tecidos e roupas repelentes de insetos, com esperanças de trazer produtos finalizados ao mercado até o fim de março do ano que vem.

Publicidade

A Fibercraze se juntou com empresas em todo o país para desenvolver têxteis com buracos microscópicos em que substâncias químicas podem ser injetadas.

A meta é utilizar a tecnologia para uma ampla variedade de propósitos, de ocupações ao ar livre a cuidados de enfermagem.

Enquanto muitos tecidos se tornam menos duráveis quando furados ou rasgados, a Fibercraze desenvolveu um produto que mantém sua força ao reduzir os poros dentro do material a uma largura mais estreita do que a de um fio de cabelo.

A empresa também vem trabalhando na fabricação de tecidos que mantêm suas texturas com eficiência química melhorada.

O presidente da companhia, Shunya Chosokabe, começou a pesquisar tecidos furados em seu quarto ano na Universidade de Gifu, onde a tecnologia é estudada há mais de 20 anos.

“Eu acreditava que seria capaz de agregar valor ao mundo ao comercializar essa tecnologia”, disse o empreendedor de 26 anos que início o negócio em setembro de 2021.

Chosokabe disse que tem a esperança de incorporar a “tecnologia de ponta” com outros produtos desenvolvidos por fabricantes de alta tecnologia.

Fonte: Japan Times

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

KDDI: recuperação do sistema após falha em todo o país

Publicado em 11 de dezembro de 2023, em Tecnologia

A operadora informou que o seu sistema foi restabelecido em todo o Japão.

Logos da au e da UQ Mobile, da KDDI (NHK)

Por volta das 7h18 de segunda-feira (11) a operadora KDDI informou que estava com falha no seu sistema, afetando os usuários da área oeste do país, desde a região Tokai até Kyushu e a província de Okinawa. 

Publicidade

Os usuários da au, UQ Mobile e povo não puderam usar os serviços de chamadas, mensagens e internet. 

Depois, esse problema se estendeu para todo o Japão, dificultando inclusive as chamadas para os números de emergência como 110 e 119.

Mas, mais tarde, às 10h25, a operadora KDDI informou que os serviços de comunicação, em todo o país, foram restabelecidos. 

Alguns órgãos públicos, como o Ministério da Justiça, que usam os serviços da operadora ficaram com a página web “fora do ar”. 

Ao mesmo tempo que apresentou um pedido de desculpas aos seus usuários, a operadora informou que a causa da falha no sistema continua sendo investigada. 

Fontes: divulgação, NHK e NTV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Estude NIHONGO com o Kumon!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!