Brasileiro suspeito de homicídio foi levado para promotoria

O brasileiro de Hamamatsu, suspeito de matar o conhecido, já foi encaminhado para a promotoria. Uma mulher que estava no local está sendo ouvida.

Veículo saindo da delegacia de polícia levando o brasileiro suspeito para a promotoria (Daiichi TV)

A polícia informou que na quarta-feira (28) o brasileiro suspeito de homicídio de um conhecido, conterrâneo, 36 anos, residente em Chuo-ku, cidade de Hamamatsu (Shizuoka), foi encaminhado para a promotoria.

Publicidade

O crime ocorreu tarde da noite de segunda-feira (26), em um conjunto habitacional em Hamamatsu, onde ナガハワ・セルケイラ・エドアルド・ヨシオ, 43, de Fukuroi (Shizuoka), morreu pelas facadas, logo depois de dar entrada no hospital.

A polícia não informou qual foi a circunstância desse incidente, tampouco a motivação. Apenas divulgou que o brasileiro preso como suspeito admitiu ter esfaqueado, mas também não informou se teve ou não intenção assassina.

Segundo a polícia, além dos dois que devem ter travado uma briga, pois os vizinhos ouviram vozes, havia uma mulher no local. 

Por isso, ela foi interrogada e a polícia continua investigando os detalhes desse crime.

Fonte: Daiichi TV

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Daihatsu anuncia volta da produção em Shiga

Publicado em 28 de fevereiro de 2024, em Economia

Com o anúncio da retomada da produção na planta de Shiga, ainda fica faltando a da matriz, na cidade de Ikeda.

Placa da planta de Shiga da Daihatsu, na cidade de Ryuo (NHK)

A Daihatsu Motor retomou a produção na subsidiária de Kyushu em Oita e em relação à planta de Quioto, a primeira a voltar a operar, foi em 12 deste mês.

Publicidade

Ainda faltava definir a data para a planta de Shiga, na cidade de Ryuo. Como o Ministério de Terras, Infraestruturas, Transportes e Turismo (MLIT) liberou a expedição dos 3 modelos a gasolina fabricados nessa planta, o Rocky, Raize (Toyota) e Rex (Subaru), a Daihatsu informou na quarta-feira (28) que voltarão a ser produzidos a partir de 18 de março.

O modelo Tanto ainda não foi liberado pelo MLIT e a escala de reinício da produção nacional da Daihatsu ainda é de cerca de 40%, o que impacta não só a própria montadora como também as pequenas e médias empresas fornecedoras.

Ainda fica faltando o anúncio do retorno à produção da planta da matriz da Daihatsu, em Ikeda (Osaka).

Fontes: NHK e divulgação

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!