Daihatsu retomará operações em todas as fábricas no Japão em maio após escândalo

A montadora retomará a produção do Copen em sua fábrica de Osaka, a qual é a última de todas as suas 4 plantas no Japão que continuam com as operações suspensas.

A Daihatsu retomará a produção do Copen em sua fábrica em Ikeda, na província de Osaka (banco de imagens)

A unidade de produção de veículos leves da Toyota Motor, a Daihatsu Motor Co, disse na quinta-feira (11) que retomará operações em todas as suas fábricas de montagem no Japão em 7 de maio, cerca de 4 meses após ela ter suspendido sua produção doméstica inteira no fim de dezembro devido a uma manipulação de testes de segurança.

Publicidade

A montadora retomará a produção do Copen em sua fábrica em Ikeda (Osaka), a qual é a última de todas as suas 4 fábricas no Japão que continuam com as operações suspensas.

Suas fábricas nas províncias de Quioto, Shiga e Oita já reiniciaram operações e a planta de Oita deve aumentar a produção em 6 de maio.

A retomada ocorreu após o Ministério dos Transportes do Japão ter suspendido sua proibição de vendas da maioria dos modelos da Daihatsu em março e confirmado em seu reexame que os veículos atenderam a padrões de segurança.

Em dezembro, a Daihatsu admitiu ter manipulado testes de segurança para a maioria de seus modelos, o que uma investigação terceirizada descobriu remontar ao ano de 1989. O painel culpou um “cronograma extremamente apertado e rígido” para a má conduta.

Na segunda-feira (8), a Daihatsu disse que a Toyota será responsável pelo desenvolvimento e aprovação de segurança para alguns dos modelos que a Daihatsu vem processando, enquanto ela focará em seu negócio principal de veículos leves (kei jidosha).

Fonte: Mainichi

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Temperaturas elevadas e mais chuva do que o normal

Publicado em 12 de abril de 2024, em Tempo

A previsão meteorológica de um mês, a partir de 14 de abril, é de calor acima do normal e mais dias nublados ou com chuva.

Mulher se abanando com o leque (Pexels)

Na quarta-feira (11), a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) anunciou a previsão de um mês, a partir da segunda quinzena de abril. Há uma grande probabilidade, de 80%, de temperaturas mais elevadas do que o normal em todo o país.

Publicidade

Anunciou que por volta de 17 deste mês as temperaturas deverão subir, como acontece só uma vez a cada 10 anos nesta época, de Tohoku a Okinawa. Ou seja, em praticamente todo o arquipélago japonês. As cerejeiras deverão florir no fim do mês em Hokkaido, incomum nessa época, pois normalmente ocorreria em maio.

Previsão a cada dez dias mostra calor acima da média anual (Tenki)

Por isso, recomenda medidas contra o calor, pois em Okinawa a média máxima poderá ser de 25 ou 26ºC, em Osaka, Hiroshima e Fukuoka de 24ºC, e em Nagoia e Tóquio, com máximas de 23 e 24ºC.

Como o corpo ainda não está acostumado ao calor, recomenda-se beber água, usar chapéu e ligar o ar-condicionado do carro para se deslocar ao trabalho ou para viajar.

Dias nublados e com chuva

Espera-se que a precipitação seja próxima do normal em todas as regiões, mas com as horas de sol próximas ou abaixo do normal. Na primavera o clima costuma mudar em ciclos curtos. 

Em particular, a previsão é de mais dias nublados e chuvosos na segunda quinzena de abril em quase todo o arquipélago, portanto, menos dias de sol.

Deverá chover mais do que a média, de Tokai a Okinawa (NTV)

Fontes: Tenki e NTV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - promoção Torcida BB!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!