8 vinhos, 1 champagne e 5 espumantes excelentes e baratíssimos

Gosta de vinhos e espumantes mas não sabe qual comprar?

Brindes ficam mais saborosos com bebidas de qualidade (Pcryl e PxHere)

Qual a diferença entre champagne e espumante? A resposta é simples. A primeira bebida só é produzida na região chamada Champagne, na França. Todo o restante que se parece com ela é espumante. 

Publicidade

Neste especial, serão apresentados espumantes de excelente qualidade e sabor, com preços acessíveis. O champagne, em geral, custa muito mais.

Champagne leva a inscrição na garrafa. Exemplos de champagnes famosos

Também chamado do sparkling wine em inglês, você pode procurar por スパークリングワイン em japonês. O espumante é tão delicioso quanto o champagne e é produzido em vários países. Há espumantes de vários preços, inclusive na faixa de mil ienes.

Eles abrem uma festa com charmoso brinde, acompanham desde a entrada aos pratos principais. Podem ser usados em reuniões informais até as mais requintadas. É uma bebida versátil, elegante, charmosa e saborosa.

Todas elas foram selecionadas por sommeliers japoneses. 

5 espumantes de qualidade e baratos

Freixenet Cordon Negro

É do tipo Cava, produzido na Espanha, com uvas brancas de alta qualidade, com aroma suave de cítricos. Sua espuma é muito delicada e cremosa, caracterizada pela leve acidez seca e bebida refrescante. Combina com todos os pratos ocidentais, tanto para ser servida na entrada como bebida principal, geladinho. Super recomendada, ainda mais pelo preço na faixa dos 1.300 ienes. Tem 12º de teor alcoólico e o vidro tem 750 ml.

 

Santero Degli Angeli

Para quem prefere um espumante mais doce, este italiano é altamente recomendado. Tem um fragrância e sabor refrescante das uvas Muscat, e é um dos preferidos pelas mulheres. O anjo que é o mensageiro da felicidade representa bem este espumante que encanta os que apreciam esta bebida. Em 2003 ganhou a famosa Gran Medalia d’Oro e é uma das bebidas carro-chefe da Asti. Pode ser servido em qualquer ocasião e acompanha qualquer tipo de cozinha ocidental. O ideal é servi-lo bem gelado. Tem 8º de teor alcoólico e vem na garrafa de 750 ml. É encontrado por 1.030 ienes.

Villa Sandi Prosecco

No Japão este espumante italiano vende mais do que champagne, tamanha a popularidade. É produzido a partir de uvas brancas de qualidade. O borbulhar refrescante proporciona prazer se acompanhado de pratos à base de peixe ou dos refinados presuntos, por exemplo. Tem aroma de frutas como as maçãs verdes e levemente cítrico, espuma dourada e cremosa, com sabor mais seco. Deve ser servido bem gelado. Tem 11º de teor alcoólico, em garrafa de 750 ml. O seu preço também é atrativo, na faixa de 1.600 ienes.

 

Gancia Rosé Brut

Para quem prefere um rosé de boa qualidade e de bom preço, este italiano não poderia deixar de ser indicado. Com este espumante na mesa, certamente ganha deslumbre. De cor rosa com leve toque laranja, é famoso pela fragrância de baunilha. Mesmo sendo seco, por causa da fragrância traz uma sensação refrescante. Acompanha bem as entradas, combina com legumes, pescados e carnes. Pode ser servido gelado. O seu teor alcoólico é de 12º e contém 750 ml na garrafa. O preço é de 1.380 ienes.  

 

Muddy Concord

Este é um espumante tinto, produzido só com uvas Concord maduras, na província de Yamanashi. Seu sabor fica entre o doce e seco, por isso, agrada homens e mulheres. Tem fragrância doce das uvas maduras e o sabor não tem a adstringência do vinho tinto. Por isso, é mais suave e borbulhante. Acompanha bem os pratos à base de carne vermelha. Tem 11º de teor alcoólico e a garrafa contém 750 ml. Seu preço fica na casa dos 1.400 a 1.500 ienes.

Se faz questão do champagne

Se faz questão de brindar com um champagne há uma variedade nas casas especializadas. Mas um deles, tradicional, o Moët & Chandon pode ser uma excelente opção.

E não custa tão caro assim. Um Impérial de 375ml custa na faixa dos 4 mil ienes. E o mesmo, de 750ml pode ser encontrado na faixa de 5,5 mil ienes. Se prefere o Rosé Impérial de 750ml irá pagar um pouco mais, na faixa dos 6,5 mil ienes.

8 vinhos de alta qualidade e baratos

Vinhos de qualidade podem ser adquiridos no Japão a preços baixos. Por isso, essa bebida pode ir à mesa todos os dias, se for o caso. Igualmente para os dias festivos onde o vinho dá o tom. Como os espumantes, eles podem ser branco, rosé ou tinto. Cada cor tem classificações de acordo com as uvas e local de produção. São apresentados 8 do Chile, Itália e Espanha, para escolher um deles e se deliciar!

Neblina Cabernet Sauvignon

É um vinho tinto chileno de excelente qualidade, com tom bem escuro e brilhante. Tem fragrância frutal de cassis e cranberries, com nuances de chocolate e baunilha. Vinho de sabor marcante, mas suave para se degustar, é composto de 85% de cabernet sauvignon e 15% de merlot. Ideal para acompanhar carnes vermelhas cozidas, assadas e grelhadas. Garrafa contendo 750 ml e tem 15º de teor alcoólico. Pode ser encontrada por 550 a 600 ienes.

 

Aves del Sur

É um cabernet sauvignon de excelente qualidade, também chileno, da Vicar. Considerado de sabor elegante pela riqueza do sabor. A cor é uma granada intensa, com aroma de berries e cerejas negras, e toque de cassis. No fundo de seu sabor intenso se sente o toque do carvalho. Este vinho tinto acompanha desde um hambúrguer a finas carnes suculentas. Seu teor alcoólico é de 16º.

O melhor de tudo é que pode ser encontrado na faixa entre 500 a 600 ienes.

Higueruela

Este é um tinto espanhol não tão encorpado, seco e muito famoso pelo sabor intenso da uva. Os consumidores comentam sobre a fragrância de morango e o tanino suave e macio deste tinto. Desde que apareceu no filme God’s Drops (神の雫), em 2005, ganhou popularidade. O Cocecha 2015 é um dos mais vendidos no Japão, pelo sabor e preço de menos de mil ienes. Tem 13º de teor alcoólico.

 

Syrah

O Syrah Feudo Arancio é considerado um vinho tinto encorpado e elegante. Combina com a culinária de seu país, Itália. Ganhou popularidade nos Estados Unidos, tendo sido o mais vendido. Um dos motivos é que ele, mais do que ser degustado sozinho, é perfeito para acompanhar as delícias de um jantar. Também, é altamente reconhecido em toda Europa pela sua tradição orgânica. Vem sendo premiado em vários países, ganhando medalhas de ouro, desde 2003. Seco, tem 13,5º de álcool. Pode ser encontrado entre 900 a mil ienes.

Cono Sur

O Cono Sur Reserva Especial é um branco chileno aromático e elegante. Tem notas de lychee e uva muscat, com nuances aromáticas de flores como as rosas dão um toque exótico. Ele tem um sabor elegante e macio. Servido gelado, é refrescante e acompanha as entradas e saladas. Ideal para almoços e jantares elegantes ou informais. Cozinhas chinesa e pratos à base de aves ficam mais saborosos com ele. Tem 13º de teor alcoólico. Pode ser encontrado na faixa dos 900 a mil ienes.

Alpaca: 3 da Santa Helena

A linha de vinhos Santa Helena é uma das primeiras do Chile a serem exportadas. Apesar do preço, na faixa dos 600 ienes, seus vinhos são de excelente qualidade e já foram premiados. O branco é produzido com as uvas Chardonnay e Semillon, o que dá um sabor muito elegante e especial. O tinto é cabernet sauvignon e merlot, com um charme no sabor. Pode ser degustado todos os dias, acompanhando culinária de carnes vermelhas. O rosé é cabernet sauvignon. Se tornaram muito populares no Japão, caindo no agrado pela performance combinada com o custo.

Fontes: Wine Good e Matome Naver

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Incêndio na indústria YKK de Mie

Publicado em 24 de dezembro de 2017, em Sociedade

Ocorreu um incêndio na indústria YKK AP, planta de Yokkaichi, em Mie, sem vítimas.

Incêndio sem vítimas na YPP AP, planta de Mie (CBC TV)

Pouco antes das 14h de domingo (24), um transeunte ouviu sons de explosão e em seguida viu fumaça. Acionou o 119 informando o local: Nakano-cho, na cidade de Yokkaichi (Mie).

Publicidade

Segundo uma testemunha, ouviu 4 a 5 vezes o som da explosão e achou que a situação era perigosa. Por isso, logo procurou abrigo.

O Corpo de Bombeiros levou cerca de 1 hora para conter as chamas do local destinado ao depósito de lixo da planta de Mie da indústria YKK AP (Architectural Products).

Apesar da planta da indústria estar funcionando, não houve vítimas por conta do incêndio. Porém, toda a construção térrea do depósito foi queimada.

Segundo informações dos bombeiros os materiais que pegaram fogo eram resíduos, como papelão e produtos plásticos. De acordo com a YKK pode ter ocorrido uma corrente de fuga da lâmpada fluorescente do local.

Fonte e foto: CBC TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros