Localizados os destroços do caça F-35 A japonês que desapareceu do radar

Os destroços pertencem a um caça F-35 A que desapareceu na terça-feira (9) sobre o Oceano Pacífico perto de Aomori.

O caça estava voando a cerca de 135Km ao leste da base aérea na província de Aomori com outras três aeronaves (imagem de arquivo NHK)

Equipes de busca e resgate encontraram os destroços que pertencem a um caça F-35 A Lockheed Martin que desapareceu na terça-feira (9) sobre o Oceano Pacífico perto do norte do Japão, disse um porta-voz da ASDF- Força Aérea de Autodefesa nesta quarta-feira.

Publicidade

O piloto da aeronave ainda está desaparecido, disse o porta-voz.

“Recuperamos os destroços e determinamos que eram do F-35”, disse o porta-voz ao Reuters.

O F-35 A tinha menos de um ano de uso e foi entregue ao ASDF em maio do ano passado, enfatizou.

O primeiro esquadrão do Japão de Fs-35 acabou de se tornar operacional na base aérea de Misawa e o governo planeja comprar 87 desses caças furtivos para modernizar suas defesas aéreas enquanto a China cresce em poderes militares.

O caça estava voando a cerca de 135Km ao leste da base aérea na província de Aomori com outras três aeronaves do mesmo modelo por volta das 19h27 de terça-feira, quando desapareceu dos radares, disse a ASDF.

A Lockheed Martin disse em uma declaração que estava de prontidão para dar suporte à ASDF se necessário.

O Pentágono disse que estava monitorando a situação.

Os F-35 são enviados ao Japão pela Lockheed Martin e montados pela Mitsubishi Heavy Industries em uma fábrica perto de Nagoia (Aichi). Cada um custa cerca de 100 milhões de dólares.

Fonte: Japan Today

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Seven-Eleven abrirá suas primeiras lojas em Okinawa

Publicado em 10 de abril de 2019, em Sociedade

O operador da Seven-Eleven planeja aumentar o número de lojas na província de Okinawa para cerca de 250 dentro de cinco anos.

Dentro de 5 anos a Seven-Eleven planeja abrir 250 lojas na províncias (banco de imagens)

O operador líder de lojas de conveniência Seven-Eleven Japan disse na terça-feira (9) que abrirá suas primeiras filiais na província de Okinawa em 11 de julho.

Publicidade

A abertura de lojas em Okinawa, o único local no arquipélago onde a Seven-Eleven Japan não está presente, significa que a empresa terá lojas em todas as 47 províncias do Japão.

A Seven-Eleven Japan planeja abrir cerca de 10 lojas em Naha, capital de Okinawa, e em outros lugares na ilha tropical.

A empresa planeja aumentar o número de lojas na província para cerca de 250 dentro de cinco anos.

As redes rivais FamilyMart e a Lawson já operam lojas em todo o país, incluindo Okinawa.

Fonte: Jiji

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!