Sanções contra a Rússia, como fica a situação no Japão

O Japão anunciou o pacote de sanções contra a Rússia. Isso poderá causar consequências na economia, principalmente em Aichi.

Fumio Kishida, na manhã de quarta-feira (NHK)

O Primeiro-Ministro do Japão, Fumio Kishida, fez um pronunciamento às 10h de quarta-feira (23), para explicar sobre o pacote das sanções contra a Rússia e as consequências.

Publicidade

Disse que está em conversação com o G7 (Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido) desde a noite de terça-feira (22), para ações em cooperação estreita. 

As sanções contra a Rússia são 3 medidas imediatas. Informou que a emissão de visto para os russos está suspensa, bem como o congelamento dos ativos; suspensão das importações e exportações e também a proibição da emissão e distribuição de novos títulos soberanos.

Informou que recomenda aos cidadãos japoneses na Ucrânia a voltarem imediatamente.

Kishida disse que com o estoque de combustíveis do país, o suficiente para 2 a 3 semanas, não afetará a distribuição.

Impacto no Japão, principalmente em Aichi

Satoshi Shimasawa, diretor de pesquisa do Instituto de Pesquisa Socioeconômica da Área de Chubu, analisa que as sanções econômicas à Rússia afetarão as principais indústrias da província de Aichi.

Tensão porque Ucrânia pode ser atacada pela Rússia e Bielorrússia (NHK)

As exportações do Japão para a Rússia são de cerca de 1 trilhão de ienes, 40% são automóveis acabados e 10% são peças de automóveis.

Além disso, alguns dos produtos importados da Rússia incluem metais não ferrosos, como platina e paládio, que são catalisadores para a purificação de gases de escape de automóveis, o que provavelmente terá um impacto considerável nas montadoras e fabricantes de autopeças, que são as principais indústrias de Aichi.

Os preços dos principais itens de exportação da Rússia, como petróleo e gás natural, mais trigo e milho, deverão subir.

Em relação a estes, o Japão não importa muito diretamente da Rússia, mas se as sanções econômicas reduzirem as exportações da Rússia, a oferta para o mundo ficará estagnada, causando concorrência e aumento dos preços globais.

O preço da gasolina e o aumento do preço dos produtos à base de trigo provavelmente afetarão os bolsos dos consumidores finais. O litro da gasolina, atualmente na faixa dos 170 ienes, poderá ter um aumento chegando a 18 ou 190 ienes.

Fontes: NHK e TV Aichi

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Imperador do Japão faz 62 anos, confiante que a covid-19 será superada

Publicado em 23 de fevereiro de 2022, em Sociedade

Naruhito, que faz 62 anos nesta quarta-feira, manifestou sua confiança nas capacidades das pessoas em superarem a prolongada crise da covid-19.

Imperador do Japão completa 62 anos nesta quarta-feira, 23 de fevereiro (NHK)

O imperador do Japão, Naruhito, que faz 62 anos nesta quarta-feira (23), manifestou sua confiança nas capacidades das pessoas em superarem a prolongada crise da covid-19.

Publicidade

Eu acredito firmemente que as pessoas podem superar a atual e dura situação com paciência ao cuidar um dos outros, compartilhando a dor e esforços contínuos para apoiar uns aos outros”, disse o imperador em uma coletiva de imprensa realizada na sala de visitas Shakkyo-no-Ma do Palácio Imperial.

Isso marcou a primeira coletiva de imprensa no palácio desde que Naruhito ascendeu ao trono em 2019.

No ano passado, ele não pôde fazer viagens para encontrar as pessoas e participar de eventos. Entretanto, o número de encontros online com o público aumentou de 4 no anterior para 11.

Fonte: Jiji

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros