Primeira escola de futebol do Zico fora do Brasil, no Japão

Foi feito o primeiro chute para a formação da escola de futebol do Zico fora do Brasil, em uma das províncias do Japão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Zico com as crianças em Toyama (Hokkoku)

O ex-técnico da seleção japonesa de futebol, o brasileiro Zico, 69, fez uma visita de cortesia à prefeitura de Imizu (Toyama), na terça-feira (10).

Publicidade

Informou ao prefeito Motoshi Natsuno que abrirá uma escola de futebol na cidade, sob sua supervisão, por volta do outono. 

“Quero que as crianças aprendam não só as técnicas, mas também cresçam para serem bons adultos“, disse Zico.

Zico e o prefeito de Imizu (Sanspo)

A escola foi idealizada pela brasileira Lucilene Yukawa, 53, voltada para as crianças japonesas e estrangeiras. Em uma de suas visitas ao Brasil, conheceu o filho do Zico, Tiago, o qual administra as escolas de futebol, e seu sonho se concretizou. Será a primeira turma do Zico fora do Brasil.

Ela planeja usar as instalações esportivas da cidade de Imizu. “Gostaria que as crianças possam se divertir na escola”, disse o prefeito Natsuno. A faixa etária dos alunos é a partir dos 5 anos até a idade colegial, com vários treinos durante a semana.

Quando questionado pela imprensa sobre a seleção japonesa na participação da Copa do Mundo do Qatar, Zico enviou uma mensagem de apoio dizendo que “gostaria que dê o melhor, acreditando na equipe”. 

Lucilene, as crianças e e Zico (Hokkoku)

Fontes: Sanspo, Hokkoku e Chunichi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Usar ou não a máscara ao ar livre? Governo responde

Publicado em 12 de maio de 2022, em Sociedade

Foi uma resposta à associação médica, a qual pede para liberar as pessoas do uso da máscara quando estiverem ao ar livre.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Jovem com máscara ao ar livre (Pixabay)

Em relação ao pedido do presidente Haruo Ozaki, da Associação Médica Metropolitana de Tóquio, para revisar o uso da máscara ao ar livre, o secretário-chefe do gabinete, Hirokazu Matsuno, reconheceu que “nem sempre é necessário ao ar livre”, com a premissa de que se pode manter distância das pessoas.

Publicidade

“Especialmente quando a temperatura e a umidade são altas, o risco de insolação aumenta, por isso é recomendável remover a máscara quando houver uma distância suficiente das pessoas ao ar livre“, apontou Matsuno.

Por outro lado, o secretário Matsuno enfatizou que é necessário usar a máscara adequadamente durante as conversas ao ar livre quando se está em uma situação em que não haja distância suficiente das pessoas.

Além disso, indicou que sobre o uso ou não da máscara no futuro, continuará ouvindo as opiniões científicas dos especialistas, levando em consideração o status da epidemia do novo coronavírus.

O presidente da associação, Ozaki, recomenda aos jovens – elevado índice de infecção – a vacinação da terceira dose, já que a faixa etária idosa está praticamente inoculada.

Fontes: Yomiuri, ANN e NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância