‘Brasileiro’ com entrada barrada na Holanda era um espião russo

O dito ‘brasileiro’ é um espião russo, o qual foi descoberto pelas autoridades da Holanda e mandado de volta para o Brasil.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem meramente ilustrativa de passaporte do Brasil (Pixabay)

Na quinta-feira (16) as autoridades da inteligência da Holanda anunciaram que impediram a entrada de um espião russo com a finalidade de coletar informações sob o disfarce de brasileiro, com identidade falsa, o qual queria ter acesso ao Tribunal Penal Internacional (TPI) com sede em Haia. 

Publicidade

O TPI iniciou uma investigação sobre os supostos crimes de guerra e contra a humanidade por causa da invasão da Ucrânia pela Rússia e esse seria o seu objetivo.

De acordo com o anúncio, em abril deste ano, esse russo que tentou entrar na Holanda vindo do Brasil, usava uma identidade falsa, para estagiar no TPI mas foi detido no aeroporto

Ficou longas horas contando uma história criada, se dizendo com 33 anos, enquanto as autoridades sabiam que tem 36, o qual tem ligação com o Estado Maior das Forças Armadas da Rússia (GRU).

Há muito tempo trabalhava para obter uma identidade falsa no Brasil, sua “casa” como teria dito, para esconder sua ligação com seu país de origem.

Considerado uma ameaça à segurança nacional, foi imediatamente repatriado para o Brasil. 

Fontes: Mainichi e Asahi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Toyota suspenderá mais produção no Japão devido à escassez de chips

Publicado em 17 de junho de 2022, em Sociedade

A suspensão de produção ocorre devido à dificuldade em obter semicondutores e um surto de covid-19 em uma das fornecedoras da Toyota em Xangai.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A montadora japonesa disse que a suspensão ocorrerá em 11 linhas em 7 fábricas (banco de imagens)

A Toyota Motor Corp. disse na quinta-feira (16) que suspenderá operações em mais linhas de produção em suas fábricas no Japão por até 11 dias entre este mês e julho devido à dificuldade em obter semicondutores e um surto de covid-19 em uma de suas fornecedoras em Xangai.

Publicidade

A montadora japonesa disse que a suspensão ocorrerá em 11 linhas em 7 fábricas de sexta-feira (17) a 8 de julho. De acordo com a Toyota, ela agora produz cerca de 750 mil veículos globalmente para junho, queda de sua meta de produção anterior de 800 mil.

A medida resultará em um corte de produção de cerca de 40 mil unidades em plantas em províncias incluindo Aichi, Iwate e Miyagi.

A Toyota não revelou seu plano de produção mundial para julho.

Entretanto, a montadora disse que não mudará sua meta de produção global de cerca de 9,7 milhões de unidades para o ano fiscal de 2022.

A Toyota disse em 24 de maio que seu plano de produção global para junho era de cerca de 850 mil, já reduzida em cerca de 100 mil unidades do número que ela anunciou no início do ano.

Três dias depois, a Toyota reduziu a meta novamente para 800 mil unidades quando Xangai entrou em um lockdown de 2 meses, desestabilizando a rede de fornecimento para semicondutores. Desde então, Xangai suspendeu seu lockdown.

Fonte: News and Culture

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância