Micron produzirá chips de memória avançada em fábrica no Japão

A planta de Hiroshima segue Taiwan como base de produção para o avançado DRAM.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A empresa dso EUA está coordenando com o governo japonês e parceiros de negócios (banco de imagens)

A fabricante de chips dos EUA Micron Technology começará a produzir em massa chips de memória avançada DRAM em sua planta de Hiroshima até o fim do ano, disse o diretor executivo de negócios Sumit Sadana ao site Asia Nikkei.

Publicidade

A Micron já anunciou planos de começar a produzir memória dinâmica de acesso aleatório usando o que ela chama de tecnologia “1-beta” em Taiwan.

A companhia está coordenando com o governo japonês e parceiros de negócios, como fabricantes de equipamentos, para começar a produzi-las no Japão também, disse Sadana em uma entrevista.

Ele não revelou o tamanho do investimento na planta de Hiroshima, mas disse que fabricar tais chips geralmente exige novos equipamentos e salas limpas.

A Micron deve determinar a escala de seu investimento baseada em subsídios do governo e outros fatores.

A DRAM é usada em armazenamento de dados temporário em uma ampla variedade de eletrônicos, incluindo smartphones e servidores.

A Micron adquiriu a Elpida Memory do Japão em 2013 após essa última ter declarado falência. Desde então ela tem produzido DRAM avançado na antiga planta de Hiroshima da Elpida.

A fabricante de chips fez alguns dos maiores investimentos no Japão para uma empresa estrangeira, injetando US$7 bilhões no país em 3 anos até agosto de 2021.

Fonte: Asia Nikkei

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Coreia do Norte disparou foguetes de artilharia

Publicado em 13 de junho de 2022, em Ásia

Os lançamentos ocorreram no domingo, segundo informações da Coreia do Sul.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem de arquivo da ANN, de dezembro de 2021

O Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas da Coreia do Sul (JCS) anunciou na noite de domingo (12) que a Coreia do Norte disparou vários foguetes de artilharia, entre as 8h07 e 11h03 desse dia.

Publicidade

Segundo a agência de notícias Yonhap, foram presumivelmente de vários lançadores de foguetes, o que seria mais uma demonstração de força do regime recluso.  

Não houve divulgação dos locais dos lançamentos e das direções, mas foram de trajetórias diversas, explicou.

“Enquanto reforçam o monitoramento e a vigilância de nossos militares, a Coreia do Sul e os Estados Unidos estão trabalhando em estreita cooperação e mantendo uma postura de prontidão completa”, disse o JCS.

Os lançamentos ocorreram uma semana depois que a Coreia do Norte disparou 8 mísseis balísticos de curto alcance em direção ao Mar do Japão.

Fontes: ANN, NHK e Yonhap

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância